Camêlos vão protestar contra Prefeitura na segunda

Os ambulantes devem sair em passeata pelas ruas de Teresina e desta vez o destino final será a Câmara dos Deputados,

Os ambulantes do polo saúde que foram impedidos de comercializar seus produtos na região do ambulatório azul estão programando mais uma manifestação cobrando um posicionamento da Prefeitura Municipal de Teresina e do Governo do Estado.

Os ambulantes devem sair em passeata pelas ruas de Teresina e desta vez o destino final será a Câmara dos Deputados, onde devem pedir apoio aos parlamentares. Enquanto isso, as bancas permanecem na Rua 19 de Novembro.

Os ambulantes alegam morosidade na resolução dos problemas. De acordo com o presidente do sindicato dos ambulantes, Everaldo Silva Alves, até agora nenhum sinal da compra de um terreno para a transferência dos comerciantes.

O terreno escolhido pelos ambulantes fica localizado na Rua 19 de Novembro.

Pela avaliação da Caixa Econômica o terreno custa em torno de R$ 800 mil, mas pelos corretores de imóveis o local estaria avaliado em mais de R$ 2 milhões. Entre os gestores o que ficou acertado é que a prefeitura iria procurar um terreno e informar para que o Governo do Estado pudesse repassar o valor cobrado.

Fonte: Carolina Durães, Jornal Meio Norte