Campanha da Fraternidade será lançada na quinta-feira

O tema escolhido para a campanha em 2013 é “Fraternidade e Juventude” e o lema que será trabalhado será “Eis-me aqui, envia-me!” (Cf, Is 6,8).

A Campanha da Fraternidade de 2013 já começou a ser divulgada em todo o país e este ano o tema volta o seu olhar para a jventude. Tanto que as principais notícias sobre o tema foram divulgadas pela igreja católica durante as comemorações do Dia Nacional da Juventude (DNJ). O tema escolhido para a campanha em 2013 é ?Fraternidade e Juventude? e o lema que será trabalhado será ?Eis-me aqui, envia-me!? (Cf, Is 6,8).

Coordenada pela Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), as ferramentas de comunicação terão a missão de difundir e levar para a juventude o debate sobre o Texto Base da CF, por meio das redes sociais, além de produzir vídeos e interações com os jovens de todo país para mobilizar a juventude a participar efetivamente da Campanha da Fraternidade.

A Campanha da Fraternidade, que está na sua 50ª edição, é realizada todos os anos e seu principal objetivo é despertar a solidariedade das pessoas em relação a um problema concreto que envolve a sociedade brasileira, buscando caminhos e apontando soluções.


Campanha da Fraternidade será lançada na quinta-feira

De acordo com o coordenador da Campanha da Fraternidade 2013, Padre Leonildo Campelo de Pinho, a intenção do tema e grande objetivo da campanha este ano é ?acolher os jovens no contexto de mudanças de época, proporcionando caminhos para o seu protagonismo no seguimento de Jesus Cristo, na vivencia eclesial e na construção de uma sociedade fraterna fundamentada na cultura da vida, da justiça e da paz?.

A Arquidiocese de Teresina irá realizar uma grande coletiva de imprensa na próxima quinta-feira, às 8h30, no Palácio Episcopal para detalhar todas as ações principais ações locais em torno da Campanha da Fraternidade 2013.

?Em sintonia com o ano da fé essa campanha suscita em nós o espírito fraterno e comunitário, nos convoca a sermos solidários com os jovens, sendo ponte para que estes se compreendam como força transformadora dos novos tempos?, finaliza Padre Leonildo.

Fonte: Marcilany Rodrigues