Campanha de vacinação contra a gripe encerra nesta sexta-feira

As pessoas acamadas que estão com agendamento serão vacinadas

O prazo da campanha contra a influenza ou gripe encerra nesta sexta-feira, 18, e até o momento Teresina não conseguiu atingir a meta de 80% do grupo prioritário, o que representa 152.358 pessoas. Os órgãos de saúde do estado garantem que não há possibilidade para mais uma prorrogação no prazo final.

A capital teresinense registrou 62,26% da cobertura vacinal, o que representa 94.003 de doses aplicadas em 150.989 pessoas, já o Piauí alcançou 71,27%, enquanto que o país marcou 80,30% da cobertura vacinal, segundo dados do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SINPNI), do datasus, visitado nesta quinta-feira, 17.

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) acredita que o número da cobertura vacinal em Teresina é bem maior do que indica no sistema, já que há uma demora para a consolidação dos dados pela via on-line. Segundo a diretora de Vigilância em Saúde da FMS, Amariles Borba, a vacina contra a gripe tem reduzido o número de internações e até óbitos ocasionados por complicações respiratórias.

“O objetivo principal da campanha de vacinação contra a gripe é reduzir as complicações, as internações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus da influenza, na população alvo para a vacinação”, explicou.

Herlon Guimarães, diretor da Unidade de Vigilância e Atenção a Saúde, acredita que ainda nessa sexta-feira, a meta estipulada possa ser atingida. “A gente teve a procura aumentada nos últimos dias por todos os grupos prioritários. Mas, de qualqquer forma, a gente alerta as pessoas que fazem parte do grupo prioritário, para que possam se imunizar contra o vírus da gripe. Acredito que até hoje possamos atingir a meta de 80% da cobertura vacinal”, almeja o diretor.

Repórter: Márcia Gabriele


Fonte: Márcia Gabriele