Canal de macrodrenagem deve impedir alagamentos no São Joaquim

A obra é parte do sistema de macrodrenagem do Lagoas do Norte

CONFIRA MATÉRIA COMPLETA NA EDIÇÃO DESTA TERÇA-FEIRA (06) NO JORNAL MEIO NORTE

A Prefeitura de Teresina inaugura hoje (6) o Canal São Joaquim, mais um investimento integrante do sistema de macrodrenagem do Programa Lagoas do Norte na cidade. A obra tem como objetivo aumentar a capacidade da vazão das águas pluviais e impedir as enchentes e alagamentos que tanto atormenta os moradores da região.

Antes da intervenção da Prefeitura, o Canal do São Joaquim era estreito e tinha 3 metros de largura. A água da chuva corria em um terreno natural à céu aberto e quem tinha casa próximo ao local sofria com alagamentos. De acordo com o secretário municipal de Planejamento e Coordenação, Washington Bonfim, esse problema deixará de existir.

“O Canal do São Joaquim é parte do sistema de macrodrenagem do Lagoas do Norte e agora tem 10 metros de largura e 220 metros de extensão. A prefeitura desenvolveu um projeto de urbanização para garantir a qualidade de vida dos moradores. Antigamente as casas eram construídas em cima do Canal. Com a ampliação, os moradores terão mais segurança e não correrão risco de terem suas casas alagadas”, garante Washington Bonfim.

No Canal do São Joaquim foram instalados sistemas de controle de vazão das águas, com comportas e casas de manobra; e a estação elevatória, com o sistema de bombeamento e o canal de dissipação, além da urbanização e da instalação de alambrado do campo de futebol.

Fonte: Izabella Pimentel