Cantor Netinho fala sobre como é assumir a homossexualidade

Ricky Martin mexeu com fãs no mundo todo ao revelar que é gay.

Ricky Martin declarou na última semana, em seu site, com todas as letras, que tem orgulho de dizer que é homossexual. A notícia mexeu com as fãs do cantor no mundo todo, inclusive no Brasil.

?No início, a gente se surpreendeu um pouco. A gente ficou preocupada com a carreira dele?, conta Daniela Witzkii, integrante de um fã-clube brasileiro do cantor. ?Ele é um símbolo sexual, a gente vai continuar sonhando?, acrescenta Helena Antunes, outra fã.

Foram anos mantendo fama de galã sem assumir a verdadeira sexualidade.

?Assumir a homossexualidade é sempre uma situação que causa muito conflito quando uma pessoa pública assume a homossexualidade. No dia-a-dia da pessoa, do homossexual, não causa nenhuma diferença, mas, com o passar do tempo, sim, porque a mídia vai trazendo informações, discussões, reflexões que podem ajudar ele e a sociedade como um todo a poder aceitá-lo de uma forma melhor?, analisa a psicóloga e sexóloga Jaqueline Ferreira Lopes, da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj).

Ricky Martin é mais um nome na lista de famosos que nos últimos tempos assumiram gostar de pessoas do mesmo sexo. A atriz Anna Paquin, a vampira da saga ?X-Men?, declarou ser bissexual. O mágico James Randi, que teve um quadro no Fantástico em 2002, aos 82 anos, também assumiu que é gay.

A lista continua: a atriz Cynthia Nixon, do seriado "Sex and the City", a cantora e atriz Lindsay Lohan, o ex-N?Sync Lance Bass.

Netinho

No Brasil, quem assumiu é Netinho, o cantor baiano que nos anos 90 embalou multidões com a música ?Milla?.

Dois anos atrás, Netinho passou por uma situação parecida com a de Ricky Martin. Ele deu uma entrevista para uma revista de celebridades e, pela primeira vez, falou sobre sua sexualidade. ?Eu falei que eu já tinha vivido uma experiência com uma pessoa do mesmo sexo que eu?, recorda Netinho.

Não é fácil falar de um assunto tão íntimo, ainda mais para ele, que foi casado com uma mulher e tem uma filha, hoje com 10 anos. Mas como foi para Netinho perceber que estava se sentindo atraído por um homem? Foi uma crise existencial?

?Eu acho que todo mundo que passa por isso, quem vive esse tipo de relação. É um choque. Foi aquela sensação de não aceitação: "Por que eu estou sentindo isso?? Mas, com o tempo, você percebe que é um sentimento que nasceu dentro de você. Quando você coloca para fora, conta para alguém, eu acho que você passa a ser mais feliz?, explica Netinho.

Fonte: g1, www.g1.com.br