Cantor sertanejo embriagado vai parar em delegacia de polícia

Cantor sertanejo embriagado vai parar em delegacia de polícia

O cantor foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal (IML) para realizar exames que vão atestar se ele estava embriagado ou não

O cantor Rangel, da dupla sertaneja Ronny e Rangel, precisou ser amparado para conseguir chegar à delegacia de polícia após ser preso por suspeita de embriaguez ao volante no interior de São Paulo. De acordo com a polícia, ele bateu em um veículo na Rodovia dos Bandeirantes e fugiu a 160 km/h.

O cantor seguia para Piracicaba, a 160 km de São Paulo, após uma festa na capital paulista. O motorista que foi vítima da batida perseguiu o cantor até fazer com que ele parasse o carro.

No veículo de Rangel havia uma garrafa de vodca vazia e remédios, segundo a polícia. Ele chegou à delegacia deitado no carro da Polícia Rodoviária e não conseguiu levantar sozinho. Ainda segundo a polícia, ele teve que ser carregado para prestar depoimento, já que não tinha condições de ficar em pé. O cantor confessou ter bebido vodca e cerveja na festa, mas não quis fazer o teste do bafômetro.

O cantor foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal (IML) para realizar exames que vão atestar se ele estava embriagado ou não. Ele poderá ser processado por dirigir bêbado, perder a habilitação e ainda ter que cumprir uma pena de seis meses a três anos.





Fonte: g1, www.g1.com.br