Cão é abandonado em estação de trem na Escócia com seus pertences em mala

O inspetor de polícia Stewart Taylor disse: O cachorro tem um microchip em seu corpo e nós conseguimos descobrir que o nome dele é Kai.

Uma associação protetora de animais da Escócia está tentando localizar o dono de um cachorro que foi abandonado em uma estação de trem junto com seus pertences em uma mala.

O macho, resultado de cruzamento de shar-pei com outra raça, foi encontrado amarrado a uma grade do lado de fora da estação central de Ayr, no sudoeste da Escócia, na última sexta-feira, 2 de janeiro.

A mala incluía o travesseiro do cachorro, um brinquedo, uma tigela de comida e ração.

A Scottish SPCA localizou o dono anterior do cachorro por meio de um microchip preso ao corpo do animal, mas ele disse que o vendeu em 2013 a outra pessoa, cujos detalhes ainda não são conhecidos.

O inspetor de polícia Stewart Taylor disse: O cachorro tem um microchip em seu corpo e nós conseguimos descobrir que o nome dele é Kai.

Nós contatamos o dono registrado do microchip, que declarou que havia vendido Kai no site de classificados online Gumtree em 2013.

INCIDENTE CRUEL

Taylor afirmou que o caso lança luz sobre os danos potenciais de vender um animal na internet. O policial afirmou que muitos compradores são pessoas que agem sob impulso e desconhecem as características dos animais que adquirem.

Independente do fato de que Kai foi deixado com seus pertences, trata-se de um incidente cruel e queremos identificar o responsável por esse delito. Se alguém puder nos ajudar, pedimos que entre em contato o mais rápido possível.

Kai tem de dois a três anos e é um cachorro amável e muito dócil. Nós vamos cuidar dele até acharmos novos donos para ele, disse Taylor. Na Escócia, abandonar um animal é crime previsto em lei.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Folha