Caravana do piauí brilha no Festival de Música de Londrina

Caravana do piauí brilha no Festival de Música de Londrina

Caravana do piauí brilha no Festival de Música de Londrina

O Festival de Música de Londrina, uma realização do Governo do Paraná, Prefeitura do Município de Londrina, Universidade Estadual de Londrina e Associação de Amigos do Festival de Música de Londrina, chegou à sua 34ª edição recebendo participantes de vários lugares do país.

E do Piauí foi um ônibus com quarenta pessoas, sendo cinco professores do curso de Música do Instituto Federal do Piauí, além de alunos da instituição, coralistas e integrantes da banda de música do IFPI.

A viagem foi viabilizada através de um projeto do professor Eraldo Lopes, regente da banda de música e professor do curso de Música do instituto, que com seu apoio foi possível o transporte e bolsas para os participantes da viagem.

“Os alunos já participaram em 2012 desse mesmo festival e a instituição tem proporcionado a ida deles em eventos dessa natureza”, diz o professor Emanuel Nunes, um dos que estiveram no evento.

O festival contou com uma programação pedagógica e artística dando destaque para criação, vivência, performance e educação ambiental.

A programação pedagógica contou com cursos ministrados por professores reconhecidos no Brasil e exterior, propondo alternativas e novos direcionamentos para o fazer e educação musical.

Foram 48 professores nacionais e internacionais ministrando diversos cursos e práticas, dentre elas de Conjunto, Cursos de Regência, Instrumentos, Voz, Estruturação Musical, Música Popular, Cursos para Crianças, Oficina do Choro, Jazz Vocal e Música e Tecnologia.

A programação artística envolveu eventos em diversos espaços da cidade, como a Catedral Metropolitana de Londrina, Museu de Artes, Teatro Zaqueu de Melo, Calçadão, Praça Pé-Vermelho e muito mais. “Os alunos coralistas participaram do concerto de encerramento na Catedral Metropolitana de Londrina”.

Segundo Emanuel, todos fizeram cursos ao longo de duas semanas, como trompete, saxofone, prática de MPB, prática de choro, violão, percussão, prática de Big Band, canto, estúdio de ópera, teclado, piano e outros. “Todos os alunos do IFPI que foram para a viagem participaram das apresentações do festival, em Londrina e cidades vizinhas.

Tocaram em espaços públicos, fizeram concertos em hospitais, além de apresentações no colégio que sediou o festival, o Colégio Mãe de Deus. Nossa viagem foi de 3 a 22 de julho, considerando os dias de traslado e as duas semanas de atividades”.

Na participação do grupo piauiense, foi trabalhado um repertório definido pelos professores, como o concerto de encerramento e algumas práticas instrumentais.

Em outros, alguns alunos puderam mostrar trabalhos autorais, como o jovem Lucas Coimbra, que apresentou uma música dele no concerto de canto. Uma oportunidade para que os participantes saíssem da condição de aprendiz para revelar potencialidades musicais.

Para Emanuel, foi uma participação bastante positiva e o que deve ser, principalmente, levado em consideração é o que fica de aprendizado nesses dias de encontro com pessoas de outros lugares, profissionais e professores buscando uma troca saudável de conhecimento.

“Como professor, estive também nos cursos e é importante que estejamos sempre nos reciclando e dispostos a novos conhecimentos. Avalio de maneira muito positiva a participação do Piauí.

Quando chegávamos à noite, no alojamento em que ficamos, vários alunos ainda ficavam até mais tarde ensaiando e praticando os conteúdos repassados.

Todos os alunos e professores participaram das apresentações públicas do festival, do erudito ao popular, solo e em grupo”, comenta.

Fonte: Liliane Pedrosa