Picapes de Renault e Mercedes terão base na Nissan Navara

Ela poderá ter motor 4 cilindros a gasolina e outro de 6 a diesel.

Renault e Mercedes-Benz confirmam que suas futuras picapes terão base na Nissan Navara NP300 e não na Frontier, como era previsto no início do acordo. É certo que o modelo alemão abastecerá os mercados de Europa, Austrália, África do Sul e alguns países da América Latina.

Segundo a fabricante, pode-se esperar por uma picape de luxo que trará a essência da Mercedes-Benz. Ao lado das parceiras Renault e Nissan, a marca alemã produzirá seu modelo na fábrica argentina de Santa Isabel, a 710 km de Buenos Aires.

Volker Mornhinweg, chefão da Mercedes-Benz Vans, revelou mais detalhes sobre a futura picape. Em entrevista à revista inglesa Car, o executivo confirma que a picape vai oferecer três níveis de equipamentos: uso para o trabalho, uso familiar e uma terceira configuração que busca aliar trabalho e lazer. Segundo ele, o modelo terá ótima ergonomia e materiais de qualidade que superam o nível das picapes tradicionais.

Componentes e estrutura serão os mesmos da Navara, mas a Mercedes pretende incorporar design único e motorização própria. A expectativa é que a picape seja equipada com motor quatro cilindros a gasolina e outro de seis a diesel. Este trabalharia com transmissão manual de seis marchas ou automática de sete.

Image title

Image title


Fonte: Abrac