Casa da Cultura terá oficina de monotipia

As aulas acontecem na própria Casa das 9 às 11h e são inteiramente gratuitas

Mal assumiu a direção da Casa da Cultura de Teresina, mantida pela Fundação Monsenhor Chaves, a artista plástica Yolanda Carvalho já está demonstrando o gás que possui para trabalho. Ela ministra, de 26 a 31 de julho, uma oficina de monotipia, voltada para crianças com faixa etária entre os dez e dozes anos. As aulas acontecem na própria Casa das 9 às 11h e são inteiramente gratuitas. Os interessados devem fazer sua inscrição no local até o primeiro dia da oficina.

Monotipia é a técnica pela qual se obtém uma gravura, pintando a imagem em uma superfície plana e lisa, transferindo-a através de pressão com a mão, rolo de borracha ou prensa, para papel ou pano. Trata-se de uma técnica bastante livre, que permite uso da criatividade, expressão espontânea de efeitos e improvisação. A impressão obtida é única quando a pintura é feita diretamente sobre a superfície lisa, e, após transferida para papel ou tecido, a monotipia permite também que se crie mais de uma impressão.

Segundo Yolanda, para isso ser possível, utiliza-se um desenho como gabarito, o qual é colocado sob a placa de impressão, que neste caso deve ser transparente. As partes a serem impressas são cobertas com tinta e transferidas para o papel ou tecido gradativamente, em etapas. As gravuras obtidas de um mesmo desenho (o gabarito), não são cópias perfeitas, pois dificilmente se consegue efeitos exatamente iguais.

Fonte: Liliane Pedrosa, Jornal Meio Norte