Centro de Valorização da Vida abre inscrições para novos voluntário

Após a inscrição pelo telefone 3222-0000

Com o intuito de promover apoio emocional, valorização da vida e prevenção do suicídio, o Centro de Valorização da Vida (CVV) está com inscrições abertas para o processo de seleção de novos voluntários em Teresina. As inscrições, que são gratuitas, acontecem até dia 04 de julho.

Após a inscrição pelo telefone 3222-0000, os candidatos participarão do curso de capacitação de voluntários onde passam por treinamentos gratuitos durante quatro finais de semana, aos sábados, de 14h às 18h, e aos domingos, de 8h às 12h, no auditório da Secretaria Municipal de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (SEMTCAS).

De acordo com Eyder Mendes, coordenador de Divulgação do Posto CVV Teresina, o candidato deve ser maior de 18 anos, alfabetizado e ter disponibilidade de 4 horas por semana, além de participar do curso de capacitação.

"Lembrando que tanto a inscrição, quanto o curso são gratuitos, e todo trabalho é voluntário. Nosso objetivo é dar assistência emocional, ter uma conversa amiga e proporcionar um apoio emocional para as pessoas que precisam", afirma.

O curso de formação de voluntário é realizado pela Secretaria Municipal de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (SEMTCAS) em parceria com a Fundação Municipal de Saúde (FMS).

O Centro de Valorização da Vida (CVV) é uma iniciativa nacional voluntária presente há 53 anos no Brasil e 30 anos em Teresina. Os trabalhos acontecem 16 horas por dia sem fins lucrativos e não apresenta vínculo a qualquer religião ou tendência política, formado por voluntários que oferecem um serviço gratuito de apoio emocional, procurando valorizar a vida e prevenindo o suicídio.

Os atendimentos acontecem pelo número 3222-0000, além de atendimento pessoal no Posto do CVV, localizado na Rua Álvaro Mendes 861, Centro de Teresina. Para mais informações sobre o Centro de Valorização da Vida podem ser encontradas na página eletrônica da instituição www.cvv.org.br.

Fonte: Pollyana Carvalho e Daniely Viana