CEO da Nissan divulga calendário de lançamento da tecnologia autonoma

CEO da Nissan divulga calendário de lançamento da tecnologia autonoma

Os carros autônomos da Nissan darão aos motoristas a oportunidade de permanecer no controle.

Carro autônomo, um veículos capaz de dispensar a intervenção do motorista, não é uma realidade distante para a Nissan. O brasileiro Carlos Ghosn, presidente e CEO da Nissan Motor Company, anunciou o calendário de lançamento das mais recentes tecnologias de automação de veículos.


CEO da Nissan divulga calendário de lançamento da tecnologia autonoma

O CEO da Nissan disse que as novas tecnologias serão introduzidas ao longo dos próximos quatro anos de forma gradual. A princípio, chegam os sistemas de controles de pistas automatizadas e sistemas de gestão do tráfego rodoviário. Para o executivo, estes sistemas demonstrarão aos consumidores a viabilidade e o valor dos sistemas de unidade autônoma, tecnologia que a marca pretende tornar comercialmente viável em 2020.

O desenvolvimento destes sistemas objetivam melhorar as condições de segurança rodoviária e de condução ao automatizar as tarefas diárias ?simplórias? para os motoristas. Em nota, a marca diz que ao contrário de projetos-piloto para veículos de autocondução completa, os carros autônomos da Nissan darão aos motoristas a oportunidade de permanecer no controle.

?Até o final de 2016, a Nissan vai disponibilizar as próximas duas tecnologias em sua estratégia de unidade autônoma?, disse Ghosn. ?Vamos trazer para o mercado um projeto de piloto de engarrafamento, tecnologia que permitirá a condução de forma autônoma ? e com segurança ? dos veículos em congestionamentos em estradas. No mesmo prazo vamos fazer com que o sistema de estacionamento totalmente automatizado esteja disponível em uma ampla gama de veículos.?

?Depois, em 2018, serão introduzidos controles de várias pistas, permitindo que carros possam gerenciar por conta os perigos e mudanças de faixa. E, antes do final da década, vamos introduzir interseção-autônoma, que vai permitir aos veículos ?negociar? com a sinalização de trânsito em um cruzamento, por exemplo, sem a intervenção do motorista?, disse Ghosn.

O chefão da Nissan também quer aproveitar as novas oportunidades criadas pelas tendências socioeconômicas das principais metrópolis. Para ele, a primeira é a necessidade de inovações para aliviar o congestionamento, reduzir emissões e melhorar a gestão do tráfego.

A segunda é atender a demanda crescente por conexões no carro que atendam ou superem as expectativas da geração digital. Segundo o executivo, os veículos da Nissan devem ser tão conectados como os smartphones e tablets que esta geração utiliza diariamente.

A terceira é a necessidade de reduzir a distância entre as gerações, criando carros que chamem a atenção tanto de idosos como dos mais jovens. Os consumidores mais idosos, por exemplo, querem tecnologias e sistemas automatizados que lhes permitam conduzir com segurança e por mais tempo.

E a quarta tendência citada por Ghosn é a necessidade de abraçar a diversidade, em especial no reconhecimento do ?papel vital que as mulheres desempenham como consumidoras, tomadoras de decisão e gestoras em toda a indústria automobilística?, afirma o executivo.

Em seu discurso, Ghosn disse ainda que a empresa espera que mais de 1,5 milhão de veículos Nissan estejam conectados a sistemas avançados de comunicação no próximo ano, utilizando sistemas baseados em ?nuvens? com acesso aos meios de comunicação, aplicativos de entretenimento e softwares de reconhecimento de voz.


CEO da Nissan divulga calendário de lançamento da tecnologia autonoma

CEO da Nissan divulga calendário de lançamento da tecnologia autonoma

CEO da Nissan divulga calendário de lançamento da tecnologia autonoma

CEO da Nissan divulga calendário de lançamento da tecnologia autonoma

Fonte: UOL