Chorando e abatido,Oliver deixa prisão e diz ter vivido pesadelo

Chorando e abatido,Oliver deixa prisão e diz ter vivido pesadelo

Ex-peão foi preso por não pagar pensão alimentícia à filha

Com os olhos cheios d"água, magro e abatido, Marcos Oliver deixou a prisão nesta sexta (9) após passar 30 dias encarcerado por não pagar pensão alimentícia no valor de R$ 43 mil para a filha adolescente, Laryssa Carneiro. Segundo o advogado Caio Marcelo Dias, o ex-peão ainda não quitou totalmente a dívida com Justiça e pode ser preso novamente.

Na porta da 40ª Delegacia de Polícia de Vila Santa Maria, no bairro do Limão, em São Paulo, ele falou brevemente com a imprensa.

? Não estou com o coração para falar agora. É hora de eu acordar desse pesadelo que eu vivi esses 30 dias. Tudo que eu preciso nesse momento é encontrar minha família, as pessoas que eu amo para me fortalecer e seguir minha vida para frente. E resolver todos esses problemas.

Cercado pela imprensa, o ex-peão deixou o local com a mulher Fabíola Monarca e o pai, Paulo Roberto, e a mãe que vieram especialmente de Minas Gerais para acompanhar a saída do filho. Uma festa está preparada para recepcionar Oliver fora da cadeia, conforme contou Faby ao R7.

? A gente preparou uma surpresa. Acho que a gente não vai nem dormir. As crianças estão bastante ansiosas. O Daniel (filho de seis anos do casal) principalmente está contando os dias.

Mulher de Oliver está brava com ex-peões após festa frustrada para arrecadar fundos: "Me senti enganada"

Risco de voltar a ser preso

Oliver corre o risco de voltar para a cadeia, pois ainda deve cerca de R$10 mil, referentes a agosto de 2013 até maio de 2014, à ex-mulher, Wellen Oliveira, a mãe de Laryssa Carneiro. O advogado Caio Marcelo Dias vai tentar entrar em acordo com a mulher para diminuir o valor da pensão e chegar a um acordo.

? Eu ainda não cheguei a ter acesso à parte contrária, isso porque não chegamos a um valor de acordo para o pagamento da dívida. Mas a partir da semana que vem, a situação ficando um pouco mais tranquila, vamos conversar e resolver o problema.

Prisão deixou todo mundo abalado

A família de Oliver que é formada por outras duas crianças ? Letícia, de 12 anos, e Daniel, de 6, além da filha adolescente que reclama a pensão ? ficou bastante abalada com a prisão. Segundo Faby Monarca, mãe biológica de Daniel, é o caçula quem mais sofre.

? Afetou todos nós, principalmente o Daniel, nosso filho de 6 anos. Ele está muito sentido, não está com o psicológico legal. Tudo ele chora, tudo isso por causa da falta do Marcos. E, para mim, também não está sendo fácil, além de mãe, tenho que ser pai também.

Ainda segundo o advogado, Oliver está muito abalado, emagreceu mas conseguiu se exercitar dentro da cadeia com garrafas pet.

? Ele emagreceu bastante, ele só não emagreceu mais porque mesmo dentro do cárcere encontrou alguns mecanismos para continuar fazendo musculação. Mas ele emagreceu bastante. Ele enchia umas garrafas pet com água e fazia movimentos para os bíceps, tríceps, alguns exercícios abdominais e também corria no pátio da delegacia, na parte interna.

Fonte: r7