Chuvas deixam 10 mortos e 117 mil afetados na China

As províncias de Gansu, noroeste, e Sichuan, sudoeste, são as mais afetadas e, segundo fontes do Ministério de Assuntos Civis

 As fortes chuvas registradas nos últimos quatro dias no sul e noroeste da China já deixaram dez mortos e 117 mil deslocados, além de terem destruído mais de cinco mil casas, informou neste sábado a agência de notícias Xinhua.

As províncias de Gansu, noroeste, e Sichuan, sudoeste, são as mais afetadas e, segundo fontes do Ministério de Assuntos Civis, "a situação poderia piorar". Junto a Shaanxi, noroeste, Sichuan e Gansu foram as províncias mais afetadas pelo terremoto que matou cerca de 90 mil pessoas em 12 de maio de 2008. Durante estes dias, cidades como Mianyang, na província de Sichuan, registraram precipitações superiores a 200 milímetros e 850 mil hectares de cultivos foram destruídos.

Em Gansi houve deslizamentos de terra em mais de 216 estradas que ligam povos e cidades. Por outro lado, as autoridades chinesas informaram que a sexta tempestade tropical deste ano no país, "Molave", se desloca rumo à parte continental do país. Às 4h (17h de Brasília), "Molave" se encontrava 340 quilômetros a sudeste de Hengchun, na ilha de Taiwan, e sustentava uma velocidade de 100 km/h. O departamento provincial de Controle de Inundações e Alívio de Secas pediu à população e aos navios pesqueiros que tomem as medidas de precaução necessárias.

Fonte: Terra, www.terra.com.br