Cineasta Fábio Barreto passa por cirurgia para auxiliar respiração

Ele respira com auxílio de aparelhos, e pela manhã foi submetido a uma cirurgia para colocação de cateter no ventrículo cerebral

 O cineasta Fábio Barreto foi submetido a uma traqueotomia (procedimento para auxiliar a respiração) na tarde desta segunda-feira, no hospital Copa D"Or, no Rio de Janeiro, onde ele está internado após um acidente de carro na noite de sábado (19). No acidente, Barreto sofreu traumatismo craniano grave, e foi internado em coma induzido.

Ele respira com auxílio de aparelhos, e pela manhã foi submetido a uma cirurgia para colocação de cateter no ventrículo cerebral para diminuir a pressão intracraniana. Barreto realizou nesta segunda-feira pela manhã um exame de tomografia computadorizada de crânio, que demonstrou alguma redução do edema cerebral.

Nesta tarde, foi realizada a traqueostomia (pequeno corte na traqueia para posicionamento de tubo ventilatório, substituindo o tubo oral), pois o cineasta precisará de ventilação mecânica por um período prolongado. Segundo o último boletim médico divulgado pelo hospital, os procedimentos têm como objetivo "melhorar as condições para recuperação do paciente, vítima de traumatismo craniano".

Acidente

O veículo de Barreto capotou por volta das 23h de sábado na rua Real Grandeza, no acesso ao chamado túnel velho, no bairro Botafogo. De acordo com a assessoria do cineasta, ele voltava do aeroporto Tom Jobim (Galeão), quando sofreu o acidente. Ele iria para o Piauí, onde participaria de um festival de cinema, mas não conseguiu embarcar. Entre outros, Barreto dirigiu o filme "Lula, o Filho do Brasil", que conta a história do presidente desde seu nascimento, em 1945, em Pernambuco, até sua consagração como líder sindical, em 1980, no ABC paulista.

Fonte: Folha Online, www.folha.com.br