Ciptran registrou 1459 infrações gravíssimas no trânsito de THE em janeiro

Ciptran registrou 1459 infrações gravíssimas no trânsito de THE em janeiro

A infração que gerou o maior número de multas foi a falta da CHN

Pelas ruas de Teresina é fácil encontrar condutores de veículos automotores dirigindo com calçados inadequados, sem aderência ao pedal. A atitude, segundo a Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran) foi responsável pela maioria das notificações durante o mês de janeiro de 2014.

Os dados apontam para 28 infrações das 41 abordagens feitas pelo órgão. São situações que podem custar caro para os condutores desavisados ou mal intencionados. ?O que o código proíbe é o uso de calçados que não estejam fixos nos pés, que haja a possibilidade de escorregar ou de sair dos pés. Esse tipo de calçado é proibido, portanto, não deve ser utilizado?, disse major Lucena, do Ciptran.

O auto de infração a ser aplicado nesse tipo de situação é de perda de três pontos na carteira e R$ 85,00 de multa.

Nos 30 primeiros dias de janeiro, a Ciptran registrou 1895 infrações de trânsito. Desse total, 1459 se configuraram como gravíssimas, 262 como infrações leves, 112 graves e 41 médias. O tipo de infração que liderou no mês foi a falta da Carteira de Habilitação. Segundo o major, a segunda foi a falta de capacetes.?

Em cada operação que é realizada em abordagem de veículos, pode ter certeza, vai estar presente uma equipe da Ciptran ou do Batalhão Rodoviário.

VEJA A REPORTAGEM DE SUSY SOUSA

Fonte: Denison Duarte