THE: Ciptran registra mais de 2.000 infrações em um mês

THE: Ciptran registra mais de 2.000 infrações em um mês

Entre as infrações mais cometidas estão a condução de moto sem capacete e sem assessórios de segurança

A Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran) registrou 2.099 infrações somente no mês de novembro. Destas, 1.647 se configuram como gravíssimas, 125 graves, 72 médias e 255 como leves.

Entre as infrações mais cometidas estão a condução de moto sem capacete e sem assessórios de segurança, ocupando 36,6% das infrações registradas; dirigir veículo sem Carteira Nacional de Habilitação, assume 21,6%; e ainda conduzir veículo não registrado ou devidamente licenciado, com 13% das infrações verificadas pelo órgão.

Das infrações graves contabilizadas as mais recorrentes foram: conduzir veículos sem equipamento obrigatório/ineficiente ou inoperante, com 99 notificações, e conduzir veículo com cor ou características alteradas, oito casos.

Dentre as infrações médias, de maior incidência, foram: dirigir veículo com calçado inadequado, com 35 ocorrências; dirigir com fones de ouvido de aparelho de som ou celular, com 24 casos; conduzir veículo sem documentos obrigatórios, com 248 casos; dirigir sem atenção ou cuidados indispensáveis a segurança no trânsito, com sete casos.

O Departamento Estadual de Trânsito do Piauí (Detran) e parceiros estão intensificando as blitz e ações educativas afim de conscientizar os condutores para um comportamento seguro e com respeito às leis.

Fonte: Denison Duarte