Codevasf investe R$ 1,47 bilhão para revitalizar e preservar bacias hidrográficas

Os recursos são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A Codevasf já investiu cerca de R$ 599 milhões em obras de esgotamento sanitário nos estados de Alagoas, Bahia, Maranhão, Minas Gerais,

A Codevasf já investiu cerca de R$ 599 milhões em obras de esgotamento sanitário nos estados de Alagoas, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí e Sergipe. Cerca de 77 municípios estão sendo atendidos pelos sistemas que proporcionam uma série de benefícios para a população como: melhoria das condições sanitárias locais, conservação dos recursos naturais, eliminação de focos de poluição. Dona Edna Rosa mora no município baiano de Morro do Chapéu e avalia  positivamente as obras concluídas pela empresa.


A ação também deverá beneficiar, em breve, outros 55 municípios da área de atuação da Companhia. As obras estão em andamento e contam com recursos de cerca de R$ 647 milhões. Em Minas Gerais, uma obra executada no município de Lontra, é bastante esperada pela população.

Para revitalizar e preservar as bacias hidrográficas a empresa também desenvolve ações voltadas ao controle de processos erosivos e a gestão dos resíduos sólidos. A previsão é investir ao todo mais de R$ 1 bilhão.

Os recursos são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A Codevasf já investiu cerca de R$ 599 milhões em obras de esgotamento sanitário nos estados de Alagoas, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí e Sergipe.

Cerca de 77 municípios estão sendo atendidos pelos sistemas que proporcionam uma série de benefícios para a população como: melhoria das condições sanitárias locais, conservação dos recursos naturais, eliminação de focos de poluição. Dona Edna Rosa mora no município baiano de Morro do Chapéu e avalia  positivamente as obras concluídas pela empresa.

A ação também deverá beneficiar, em breve, outros 55 municípios da área de atuação da Companhia. As obras estão em andamento e contam com recursos de cerca de R$ 647 milhões. Em Minas Gerais, uma obra executada no município de Lontra, é bastante esperada pela população. O prefeito Evandro Gonçalves da Silva, aponta os principais benefícios. 
 
Para revitalizar e preservar as bacias hidrográficas a empresa também desenvolve ações voltadas ao controle de processos erosivos e a gestão dos resíduos sólidos. A previsão é investir ao todo mais de R$ 1 bilhão. Os recursos são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

Fonte: Assessoria