Com infecção e febre alta, Reynaldo Gianecchini deve permanecer internado

Com infecção e febre alta, Reynaldo Gianecchini deve permanecer internado

O ator ainda não estaria pronto para se submeter a um transplante.

Reynaldo Gianecchini, 39, que deu entrada no Hospital Sirio Libanês, em São Paulo, na terça feira (29) à noite deverá permanecer internado, segundo parentes próximos ao ator.

Com febre alta em decorrência de uma infecção, o ator ainda não estaria pronto para se submeter a um transplante. "Foi uma febre alta em consequência de outra infecção. Ele deve ficar internado até se recuperar para receber a última quimio antes do transplante", garantiu a QUEM a fonte, que preferiu não ter o nome revelado, nesta sexta-feira (2),.

A informação, no entanto, ainda não foi oficializada pela assessoria de imprensa do hospital, que apenas confirma a presença de Giane no local.

No sábado (26), Gianecchini circulou pela Praça Benedito Calixto, no bairro de Pinheiros, em São Paulo, acompanhado de uma amiga. No domingo (27), o ator esteve na Fórmula 1 ao lado de dois casais de amigos.

Em breve, Gianecchini fará o exame de PET Scan, um dos mais avançados para diagnósticos de câncer, para monitorar a resposta à primeira etapa do tratamento de seu linfoma, e também passará por um autotransplante para recuperar o sistema imunológico depois das sessões de quimioterapia.

No último dia 20 de novembro, Reynaldo Gianecchini falou em entrevista para o "Fantástico" sobre o tratamento. No bate-papo emocionado, o ator revelou que passou por um tratamento espiritual, contou como foi o processo de entendimento da doença, e a despedida do pai, Reynaldo Cisoto Gianecchini, morto aos 72 anos em outubro deste ano, após lutar contra um câncer no pâncreas.

Fonte: Terra