Com medo de não ver filhos crescerem, mãe perde metade do seu peso e ganha prêmio

Com medo de não ver filhos crescerem, mãe perde metade do seu peso e ganha prêmio

Claire Aslop, 31 anos, perdeu mais de 70 kg e ganhou o título de Mulher que mais Emagreceu de 2012.

A inglesa Claire Aslop, 31 anos, de Rotherham, em South Yorkshire, estava muito descontente com o seu corpo. Após o nascimento dos filhos Noah, 6 anos e Ruby, 4, ela engordou muito e o ponteiro da balança passou dos 135 kg.

Tamanho peso começou a causar problemas para sua saúde e Claire começou a se preocupar com o futuro. ?Eu não conseguia sequer ficar em pé para fazer um bolo por mais de 10 minutos. Logo, minhas costas começavam a doer e eu precisava sentar?, disse ela ao jornal britânico Daily Mail. ?Também não me lembro a última vez que lavei os meus cabelos, isso porque eu não tinha nem 30 anos?, completa.

Ela, então, começou a pensar sobre o seu aniversário de 40 anos. Quantos quilos teria até lá? Mais de 220? Será que veria seus filhos crescerem? Será que conheceria seus netos? Claire sabia que tinha que mudar de atitude para que isso tudo fosse possível.

Ela decidiu entrar para o Slimming World, um grupo de emagrecimento que reúne pessoas que estão em busca do mesmo objetivo. Claire procurou a turma mais próxima da sua casa e começou a participar.

?Foi a minha última chance antes de ir ao médico para pedir algo mais sério", disse. Claire ficou surpresa quando descobriu que poderia perder peso e ainda assim comer carboidratos, como os bolos que ela adora fazer.

Já na primeira semana, Claire perdeu mais de 3 kg. Claire aprendeu a fazer bolos com menos gordura e disse que sua perda de peso transformou a vida de toda a família. Agora, ela se sente mais ativa para brincar com os filhos e seu marido Paul, 30 anos, também se animou para emagrecer.

Claire começou a correr e participou de uma corrida de 10 km para ajudar uma instituição local de combate ao câncer.

?Eu não queria que meus filhos ficassem constrangidos ou intimidados por causa do meu tamanho. Agora, eles podem se orgulhar dos pais que têm!?, diz Claire, feliz da vida!

Fonte: G1