Comandante da PM reconhece que há brechas nas leis que favorecem a criminalidade

O comandante conclama autoridades do estado para discutirem de forma ampla sobre essas facilidades que as leis permitem

Depois de uma visita ao estado de São Paulo, feita recentemente para um encontro de Segurança Pública, o comandante da Polícia Militar do Estado do Piauí, coronel Gerardo Rebelo, afirmou que é necessário discutir os destinos da Segurança do Piauí, embora o estado tenha sido um dos citados no Encontro como referência no controle de criminalidade e violência.

?Lá, foi destacada a própria atuação da polícia e também as melhorias. Propõe-se a criação de uma Lei Orgânica para discussão não somente de melhoria salarial, mas de uma logística necessária. A Copa do Mundo está próxima e vamos precisar muito mais de equipamentos mais próximos da realidade em que o Brasil se encontra?, apela Gerardo Rebelo.

Para o comandante, não basta mudar a legislação, é necessária uma transformação onde possa haver uma integração da família. ?Outro questionamento abordado foi sobre a Segurança do estado. Nós temos que encontrar um caminho onde haja o aspecto da celeridade, pois o indivíduo comete qualquer tipo de crime e fica na certeza da impunidade. Nesse contexto, é necessária uma transformação que possibilite uma integração com a família. Nós temos sofrido muito, mas temos feito muito trabalho para poder mudar o cenário nesses três anos de gestão.?

Questionado pelo analista político, Leal Júnior, da Rede Meio Norte, durante o programa Agora desta segunda-feira, 31, sobre possíveis esquemas de advogados envolvidos em solturas antecipadas de presos recém-capturados, o comandante afirma que ?infelizmente, após análise da legislação, percebe-se que há brechas para tudo?. Ele diz ainda que essas brechas são aproveitadas pela mídia, pela política. "Tem pessoas que aproveitam essas brechas e começam a trabalhar a partir desse ponto.?

Na ocasião, o comandante Gerardo Rebelo conclama as "autoridades do estado para uma discussão ampla e uma possível solução para o fim dessas brechas que fragilizam as leis?, conclui.

FOTOS PRODUZIDAS POR DENISON DUARTE


Comandante da PM reconhece que há brechas nas leis que favorecem a criminalidade

Comandante da PM reconhece que há brechas nas leis que favorecem a criminalidade

Comandante da PM reconhece que há brechas nas leis que favorecem a criminalidade

Fonte: Denison Duarte