Começa funcionar faixa para motociclistas no centro de Teresina

A faixa está no cruzamento da Frei Serafim com Miguel Rosa

Começou a funcionar, nesta sexta-feira (17) em caráter experimental, no cruzamento da Avenida Miguel Rosa com a Avenida Frei Serafim, a primeira faixa de retenção para motociclistas, que tem como objetivo de proporcionar mais segurança para os motociclistas e com isso reduzir os números de acidentes envolvendo motociclistas. No início da manhã foi realizada uma ação educativa com distribuição de panfletos no local com a presença de agentes de trânsito e de técnicos da gerência de Educação de Trânsito da Strans.

De acordo com o Diretor de Trânsito e Sistema Viário, José Falcão, essa medida já foi implantada, com sucesso, em outras cidades do país. “Os nossos agentes de trânsito ficarão nos próximos dias no local para orientar tanto os motociclistas como os motoristas. Os motociclistas devem trafegar entre os veículos e assim acessar a faixa de retenção para se posicionar à frente dos carros”, disse.

Falcão ressalta que esse período de adaptação será avaliado e com isso a ideia é, aos poucos, começar a implantar as faixas nos  cruzamentos de grande movimentação em todos os bairros da cidade. “Hoje na ação realizada no local, percebemos que os motociclistas aceitaram muito bem a novidade, agora é só uma questão de eles acostumarem a usar esse espaço, e com isso diminuir os acidentes”, disse.

O diretor de HUT, Gilberto Albuquerque, considera que essa medida ajudará muito a reduzir os números de acidentes. “É muito comum as colisões  entre carro e moto na saída , quando o semáforo fica verde, com essa organização agora tenho certeza que a situação vai melhorar para todos”, complementou.

O motociclista Raimundo Cardoso espera que a faixa seja respeitada, pois assim muitos problemas no trânsito serão resolvidos. “Tudo é uma questão de costume. Se essa medida deu certo em outras cidades aqui também vai dá certo”, confessou.

Para Eva Borges, que costuma sempre ir para o trabalho de moto, a medida é muito importante para a segurança de todos. “Acreditamos que dará certo, mas as ações educativas no local são importante para que as pessoas se acostumem com a novidade”, finalizou.



Fonte: Portal MN