Comitê da Dengue reúne representantes na próxima sexta (12)

O Comitê reúne representantes de setores voltados para a saúde.

Formar uma verdadeira rede de socialização de informações, de educação e de combate à Dengue. Esse é o objetivo do Comitê de Mobilização Comunitária, da Fundação Municipal de Saúde (FMS), que promove nesta sexta-feira (12) mais uma reunião com seus representantes. Será no auditório FMS, a partir das 9h.

O Comitê reúne representantes de diversos setores voltados para a saúde, educação, meio ambiente, juventude e desenvolvimento urbano. Juntos, estes profissionais planejam estratégias de combate à Dengue na capital, com base em conhecimento da situação epidemiológica e entomológica, bem como das ações de assistência aos pacientes desenvolvidas no município.

Como não existe qualquer evidência técnica de que a erradicação do mosquito transmissor da Dengue, o Aedes Aegypti, seja possível, o Comitê também tem como finalidade a elaboração de programas permanentes e a promoção da integração das ações de controle da Dengue na atenção básica, com a mobilização do Programa de Agentes Comunitários de Saúde e Estratégia Saúde da Família. Além disso, ele deve utilizar-se de instrumentos legais que facilitem o trabalho do poder público na eliminação de criadouros em imóveis comerciais, casas abandonadas e terrenos baldios e programar ações educativas contra a Dengue na rede de educação básica, técnica e superior, entre outras ações.

“Desde a sua implantação, diversas ações já foram desenvolvidas por meio do planejamento feito pelos representantes do Comitê. Um exemplo bastante positivo foi a socialização das nossas informações com as instituições religiosas. Entregamos folderes e cartazes em diversas instituições religiosas, e além disso, realizamos uma roda de conversas com seminaristas da Igreja Católica, tendo em vista que todas as entidades podem se tornar agentes multiplicadoras de informação contra a doença”, explica Júlia Santos, coordenadora do Núcleo de Educação em Saúde da FMS e membro do Comitê.

O Comitê de Mobilização Comunitária é composto por membros do Conselho Municipal de Saúde, Atenção Básica, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Estadual de Educação, Fundação Hospitalar de Teresina, Diretorias das regionais de Saúde, Vigilância Ambiental, Vigilância Sanitária, Superintendências de Desenvolvimento Urbano, Superintendência de Desenvolvimento Rural, Superintendência de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Secretaria Municipal da Juventude e Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Fonte: Assessoria