ANTT encaminha pedido para concurso com 670 vagas efetivas

ANTT encaminha pedido para concurso com 670 vagas efetivas

A ANTT pedindo a autorização para realizar um concurso com 670 vagas efetivas

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) encaminhou, no dia 6 de junho, um pedido ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) pedindo a autorização para realizar um concurso com 670 vagas efetivas. Atualmente, a solicitação encontra-se em trâmite no Departamento de Modelos Organizacionais e Força de Trabalho nos Setores de Infraestrutura e de Articulação Governamental (Desig/Segep).

Apesar de não confirmado, é provável que a solicitação seja para os mesmos cargos dos últimos processos seletivos promovidos pela ANTT, sendo eles: técnico administrativo, técnico em regulação de serviços de transportes terrestres, analista administrativo e especialista em regulação de serviços de transportes terrestres.

A última seleção pública da agência ocorreu em 2013 e ainda está em vigência, já que o resultado final foi divulgado em outubro de 2013 e o certame tinha um prazo de validade de um ano.

Como o concurso de 2013 foi direcionado apenas para Brasília, no Distrito Federal, e os Estados de Roraima, Rondônia e Acre, tudo indica que a solicitação feita no mês passado seja para os demais Estados que foram contemplados no edital de 2008. Na época, as oportunidades eram para as cidades de São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Vitória (ES), Brasília (DF), Aracajú (SE), Belém (PA), Boa Vista (RR), Campo Grande (MS), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Goiânia (GO), João Pessoa (PB), Macapá (AP), Maceió (AL), Manaus (AM), Natal (RN), Palmas (TO), Porto Alegre (RS), Porto Velho (RO), Recife (PE), Rio Branco (AC), Salvador (BA), São Luís (MA) e Teresina (PI).

Requisitos e salários ? Ensino médio completo é imprescindível para as colocações de técnico administrativo e técnico em regulação. Já o diploma de graduação é fundamental para pleitear os empregos de analista e especialista.

Na atual tabela das remunerações dos servidores federais consta que os salários iniciais são de R$ 5.418,25 para técnico administrativo, R$ 5.674,25 para técnico em regulação, R$ 10.543,90 para analista e R$ 11.403,90 para especialista. Além dos vencimentos, o órgão oferece R$ 373 de vale-alimentação.

Sobre o último concurso ? Publicado em maio de 2013, o edital teve 135 oportunidades de níveis médio e superior, sendo 5% destinadas aos portadores de necessidades especiais. A organização do certame ficou sob responsabilidade do Cespe/UnB.

Todos os concorrentes passaram por avaliações objetivas com 130 questões e testes discursivos. As provas objetivas tiveram 50 perguntas de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos, já os exames discursivos consistiram em uma redação dissertativa.

Depois dos testes objetivos e discursivos houve contagem por ponto de títulos para analista e especialista e curso de formação apenas para especialista.

Fonte: G1 Globo