Após adesão polêmica, Ebserh abre 881 vagas para o HC da UFPE; confira

Concurso tem oportunidades para áreas médica, administrativa e assistencial

Após a polêmica que acabou até com a ocupação da reitoria da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), no Recife, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares divulgou, nesta quinta-feira (20), o edital do concurso que vai contratar 881 profissionais para o Hospital das Clínicas. Há 247 vagas para médicos em 55 especialidades, 609 para candidatos de nível superior e médio na área assistencial e outras 25, também de nível superior e médio, para o setor administrativo.

As inscrições começam no próximo dia 26 de fevereiro e ficam abertas até 27 de março. Elas custam R$ 30 para as oportunidades de nível médio e R$ 50 para aquelas de nível superior. As provas devem ser aplicadas em 11 de maio, na capital pernambucana.

Os candidatos para a área médica farão provas de língua portuguesa, raciocínio lógico e matemático, legislação aplicada à Ebserh, legislação aplicada ao SUS e conhecimentos específicos de medicina. A maior quantidade de vagas é para a especialidade de ginecologia e obstetrícia, com 21 oportunidades.

Há também 20 vagas para a área de anestesiologia, 18 para clínica médica e 13 para oftalmologia. O salário em todas especialidades é de R$ 6.495 para uma carga horária semanal de 24 horas.

Na área assistencial, o concurso vai preencher, sobretudo, vagas de técnico de enfermagem (274) e enfermeiro (175). O processo ainda dispõe de oportunidades para assistente social, biólogo, fisioterapeuta, psicólogo, pedagogo e outras especialidades. Os salários variam de R$ 7.774 a R$ 1.630.

O concurso seleciona também candidatos com formação em direito, administração, contabilidade, estatística, tecnologia da informação, engenharia e segurança do trabalho, oportunidades na área administrativa. Os salários vão de R$ 1.841 a R$ 7.774. Das 25 vagas, duas são para quem tem ensino médio completo: técnico em informática e assistente administrativo.

Os editais dos concursos, bem como outras informações relativas ao processo seletivo, podem ser consultados por meio dos sites da própria Ebserh e do Idecan. Está prevista, em todas as áreas, a formação de cadastro de reserva.

Polêmica

Em dezembro do ano passado, o Conselho Universitário da UFPE aprovou por maioria a adesão do HC à Ebserh, vinculada ao Ministério da Educação (MEC). Por causa da decisão, a reitoria da UFPE passou quatro dias ocupada. Os manifestantes se posicionaram contra a adesão e alegaram que a medida tira completamente a autonomia da universidade em relação ao hospital.

A UFPE informou que a decisão majoritária do Conselho Universitário de aprovar por 44 votos (83% do total) a assinatura do contrato que delibera mudanças na gestão do HC foi tomada na sequência de uma longa negociação, com a ampla e aberta participação de todos os segmentos da comunidade universitária. "Os aspectos relativos ao Hospital das Clínicas e ao novo modelo de gestão foram exaustivamente considerados", afirmou, em nota.

A instituição ainda disse não haver qualquer razão para reconsiderar o que foi deliberado. Também em nota, o Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) e o Conselho Regional de Medicina do estado (Cremepe) se manifestaram contra a adesão do Hospital das Clínicas à Ebserh. As duas entidades também demonstraram apoio à ocupação da reitoria da UFPE.

Fonte: G1