BNDES abre inscrições do concurso público para os níveis médio e superior

O concurso do BNDES oferece vagas para os níveis médio e superior

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) recebe a partir desta quinta-feira, dia 3, as inscrições do concurso público para a formação de cadastro em cargos dos níveis médio e superior. O prazo vai até dia 27 pelo site da Fundação Cesgranrio, que é a instituição organizadora. Quem preferir pode comparecer a um dos postos de atendimento, que funciona das 9h às 16, de segunda a sexta-feira. No Estado do Rio a opção é o posto da Microlins na Avenida Rio Branco 173, Centro do Rio.


BNDES abre inscrições do concurso público para os níveis médio e superior

Os interessados devem fazer o cadastro no site e imprimir o boleto bancário para o pagamento da taxa que é de R$ 35 para o nível médio e de R$ 64 para o superior. Quem for membro de família de baixa renda e estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal poderá solicitar a isenção até segunda-feira, dia 7.

A seleção do BNDES contempla o cargo de técnico administrativo, com exigência de nível médio, e o posto de profissional básico, com exigência de curso superior. A remuneração inicial do técnico é de R$ 2.925,39. Já os graduados receberão um salário de R$ 9.182,01. Para o cargo de nível superior podem concorrer graduados em Administração, Análise de Sistemas - Desenvolvimento, Análise de Sistemas - Suporte, Arquitetura, Arquivologia, Biblioteconomia, Comunicação Social, Contabilidade, Direito, Economia, Engenharia e Psicologia.

A seleção tem o objetivo de formar um cadastro de reserva que poderá ser utilizado durante o período de validade do concurso que é de um ano, prorrogável por igual período. Os classificados serão contratados pelo regime celetista, com jornada de 35 horas semanais.

Provas do concurso do BNDES acontecem em março

Os participantes da seleção do BNDES passarão pelas avaliações em 3 de março. Os exames acontecerão nas cidades de Belém, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Serão cobradas 70 questões objetivas e, ainda, uma redação para o nível médio e cinco questões discursivas para o nível superior.

Fonte: Extra