Concurso Correios; Instituição prevê edital para este mês para 2º e 3º graus

Também não foi divulgado se a organizadora da seleção já foi escolhida

Quem deseja participar do concurso dos Correios deve estar atento em relação à divulgação do edital. Isso porque a Assessoria de Imprensa da estatal confirmou, mais um vez, na última segunda-feira, dia 11 de março, que o edital continua previsto para este mês. Porém, a empresa não informou, até o momento, quantas vagas serão oferecidas e para quais estados. Também não foi divulgado se a organizadora da seleção já foi escolhida. Frente a essas pendências, não está descartada a possibilidade de o edital sofrer um atraso, embora a empresa não afirme isso.

O que está definido é que serão contemplados cargos de níveis médio e superior. Para o médio, as oportunidades serão para as carreiras de carteiro, operador de triagem e transbordo e atendente comercial. A remuneração é de R$1.871,86 ou R$1.765,38, sendo R$1.004,02 de ganhos iniciais, R$718,74 de vale-alimentação para quem trabalha 27 dias por mês e R$612,26 para 23 dias e R$149,10 de vale cesta-básica. Já para o superior, ainda não foram escolhidas quais funções farão parte da seleção. No entanto, é provável que sejam as mesmas do último concurso, realizado em 2011. Na ocasião, houve vagas para enfermeiro do trabalho, engenheiro de segurança do trabalho, médico do trabalho e analista de Correios, entre outros cargos.

Nesse caso, a remuneração é de R$4.608,35 ou R$4.501,87 (dependendo da quantidade de dias de trabalho), sendo R$3.740,51 de vencimentos iniciais. Os Correios ainda oferecem aos seus funcionários benefícios como vale-transporte, plano de saúde, plano medicamento e auxílio-creche, entre outros. Os interessados em participar desta seleção já devem iniciar seus estudos, utilizando como base de preparação o edital do concurso de 2011.

Na época, os candidatos foram submetidos a uma prova objetiva. Para as carreiras de nível médio, houve 60 questões, sendo 20 versando sobre a disciplina de Língua Portuguesa, 20 sobre Matemática e 20 sobre Informática. Quem concorreu a carteiro e operador ainda passou por avaliação de capacidade física laboral. Já para o superior, foram propostas 120 questões, sendo 50 de conteúdos de Conhecimentos Básicos (distribuídas pelas matérias de Língua Portuguesa, Informática, Inglês e Administração Pública) e 70 de Conhecimentos Específicos, que variaram de acordo com a especialidade das carreiras.

Fonte: Folha Dirigida