Concurso do MPU tem 798 mil inscritos para apenas 147 vagas

Concurso do MPU tem 798 mil inscritos para apenas 147 vagas

Concorrência chega a 5.428 candidatos por vaga

O concurso público no Ministério Público da União (MPU) abriu concurso público para 147 vagas e cadastro de reserva para os cargos de técnico e analista recebeu 798 mil inscrições - média de 5.428 candidatos por vaga.

Foram 349 mil inscritos para o cargo de técnico-administrativo e 449 mil para analista.

A seleção oferece salários que variam de R$ 4.575,16 e R$ 7.506,55, respectivamente. As vagas serão distribuídas entre todas as 27 unidades da Federação.

São 109 vagas para técnico na área de apoio técnico-administrativo, com especialidade em administração, e 38 para analista na área de apoio jurídico, para candidatos com formação em direito.

O Distrito Federal é a unidade da federação com maior número de vagas: 10 para analista e 41 para técnico. O Rio de Janeiro e o Paraná vêm em segundo lugar no cargo de analista, com 2 vagas cada. Os demais estados têm 1 vaga cada um.

Para técnico o segundo estado com maior número de vagas é São Paulo, com 13. O Pará vem em seguida, com 9 vagas. O Rio Grande do Sul tem 6 oportunidades. Paraná, Minas Gerais e Goiás oferecem 5 vagas cada. Mato Grosso, Paraíba, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Tocantins têm cada um 2 vagas. Os demais estados oferecem 1 vaga cada.

A convocação dos candidatos aprovados realizada durante o prazo de validade do concurso público nas unidades administrativas dos quatro ramos que compõem o Ministério Público da União (Ministério Público Federal, Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, Ministério Público Militar e Ministério Público do Trabalho) e no Conselho Nacional do Ministério Público.

O concurso terá provas objetivas (conhecimentos básicos com 50 questões e conhecimentos específicos com 70 questões) para os dois cargos e prova discursiva somente para o cargo de analista.

As provas objetivas e a prova discursiva serão realizadas nas capitais das 27 unidades da federação, no dia 19 de maio, no período da manhã para analista e da tarde para técnico.

A partir do dia 9 de maio serão disponibilizados os locais das provas no site http://www.cespe.unb.br/concursos/mpu_13.

Serão corrigidas as provas discursivas dos candidatos aos cargos de analista

aprovados nas provas objetivas e classificados conforme quadro disponibilizado no edital.

A prova de conhecimentos básicos para o cargo de analista área de apoio jurídico direito terá as disciplinas de língua portuguesa, noções de informática, legislação aplicada ao MPU e ao CNMP. As disciplinas de conhecimentos específicos são direito constitucional, direito administrativo, direito do trabalho, direito civil, direito processual civil, direito penal, direito processual penal, direito penal militar e direito processual penal militar.

A prova de conhecimentos básicos para o cargo de técnico em administração terá as disciplinas de legislação aplicada ao MPU e ao CNMP, língua portuguesa, noções de informática, ética no serviço público e raciocínio lógico. As disciplinas de conhecimentos específicos são noções de direito constitucional, noções de direito administrativo, administração e administração de recursos materiais.

Fonte: G1