Contratados do HU iniciam as atividades na outra semana

Após a cassação da decisão que suspendia a admissão dos profissionais que vão trabalhar no hospital

Na última sexta-feira (26), o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da 22ª Região, Arnaldo Boson Paes, deferiu o pedido liminar, ingressado pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) que pedia a cassação da decisão liminar proferida pela Justiça do Trabalho do Piauí, que suspendia o processo de admissão dos novos empregados do Hospital Universitário do Piauí. Com isso, o processo de contratação dos candidatos aprovados no concurso público está mantido.

Com a decisão, os 242 candidatos organizaram a documentação, agilizaram a entrega e assinaram contrato no último domingo (28). De acordo com a EBSERH, as contratações aconteceram nos dias 27 e 28.

Segunda-feira (29) e terça-feira (30) os novos empregados contratados estão participando de atividades de ambientação e recepção e em seguida já iniciam os trabalhos.

?Os empregados que já estavam no hospital no contrato temporário e foram admitidos no concurso público seguem desempenhando as atividades no hospital para que não haja interrupção de serviços.

O hospital irá abrir novos serviços e ampliar os atualmente existentes de forma progressiva, assim como serão feitas as próximas convocações?, coloca a jornalista da EBSERH, Nair Rúbia Baptista.

Segundo o superintendente do HU, Avelar da Silva, a substituição foi imediata porque o contrato provisório já encerrou. ?Alguns dos candidatos, agora contratados do HU da UFPI, já estão prestando atendimento, outros estão participando de capacitação?, coloca o superintendente ao ressaltar que os outros candidatos aprovados serão convocados em chamadas subsequentes, de acordo com o cronograma de abertura dos serviços do Hospital, que serão ampliados de forma progressiva para o atendimento de qualidade à saúde da população.

?A nossa previsão é, que na medida em que os serviços forem ampliados, irmos convocando os profissionais. A nossa meta é que todos que foram aprovados estejam trabalhando no Hospital Universitário até o fim deste ano?, acrescenta.

Em maio, o HU deve ampliar o atendimento e dar início às internações. O hospital tem hoje dez leitos de UTI, duas salas cirúrgicas, quatro salas de pequenas cirurgias e cinquenta leitos de enfermaria. ?Além disso, a mesma agenda de marcações de consultas do SUS foi mantida.

Os pacientes do Hospital Universitário têm acesso aos serviços do estabelecimento pelo Sistema de Marcação de Consultas do SUS (Sistema Único de Saúde) das Redes Estadual e Municipal. Basta que eles apresentem o encaminhamento de algum posto de saúde do SUS?, completa Avelar da Silva.

Fonte: Virgínia Santos e Aline Damasceno