Edital do Concurso Unificado da Prefeitura será lançado este mês

O certame será organizado pela Fundação Carlos Chagas

A Prefeitura de Teresina deve lançar, nos próximos dias, o edital do Concurso Unificado com oportunidades para preenchimento de 118 vagas em 29 categorias distribuídas.

As vagas serão destinadas a sete órgãos e entes da Administração Direta e Indireta do Município. O certame, organizado pela Fundação Carlos Chagas, está em fase de conclusão do edital, com ajustes de datas e conteúdo programático.

A previsão é de que, entre o lançamento do edital e as provas, transcorra o prazo de cerca de dois meses e que as provas sejam realizadas ainda no primeiro semestre de 2016. A homologação do concurso e as convocações dos aprovados estão previstas para o início de 2017.

De acordo com o presidente da Comissão Especial, Marcelo Fanco, as vagas incluem novos cargos criados por lei, como é o caso das vagas destinadas à Procuradoria Geral do Município (PGM), além de cargos vagos oriundos de aposentadoria de servidores do quadro do Município.

Além da PGM, as vagas destinam-se a órgãos como Secretaria Municipal de Finanças (SEMF), Secretaria Municipal de Planejamento (SEMPLAN), Secretaria Municipal de Trabalho, Cidadania e Assistência Social (SEMTCAS) e Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMAM). Já com relação aos entes da Administração Indireta, serão destinadas vagas para Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos de Teresina (ARSETE) e Empresa Teresinense de Processamento de Dados (PRODATER).

As oportunidades incluem cargos de nível médio, como técnico em informática, técnico do tesouro municipal, técnico contábil, técnico em edificações, técnico em química, técnico em saneamento, e programador.

Já para nível superior, serão disponibilizadas vagas para auditor fiscal da receita municipal, advogado, analista do orçamento e finanças públicas, analista de gestão pública, analista administrativo, administrador, contado, engenheiro agrimensor, engenheiro civil, engenheiro ambiental e/ou sanitarista, economista, analista de sistema, assistente social, psicólogo, analista ambiental, analista de geoprocessamento, analista de negócio, analista de sistema e analista de suporte técnico.

Fonte: Portal MN