"Fale sobre você" é pergunta mais temida em entrevistas; veja dicas

"Fale sobre você" é pergunta mais temida em entrevistas; veja dicas

Questão é feita para entrevistador ter noção de quem é o concorrente

A pergunta "Fale sobre você", tão comum nas entrevistas de emprego, favorece os candidatos que conseguem dizer ao recrutador o que eles consideram realmente importante na carreira deles, de acordo com Lee Miller, em artigo publicado na seção de carreiras do site Business Insider. ?É uma questão que oferece oportunidade para descrever a si mesmo de forma positiva e focar a entrevista nos pontos fortes. A maioria dos entrevistadores começa entrevistas com essa pergunta para ter noção de quem é o candidato.?

De acordo com o consultor, há muitas formas de responder a questão corretamente e apenas uma maneira errada, que é com outra pergunta: "O que você quer saber?". ?Isso me diz que o candidato não se preparou adequadamente para a entrevista e é suscetível de ser igualmente despreparado para o trabalho. É preciso desenvolver uma boa resposta para a pergunta, praticar e ser capaz de entregá-la com equilíbrio e confiança.?

A resposta certa deve focar no que mais interessa ao entrevistador, com destaque às realizações mais importantes. "O maior erro é pensar que o entrevistador quer saber sobre eles como pessoas?, diz Jane Cranston, coach de carreira de Nova York. ?Mas o entrevistador quer saber o que o candidato pode fazer como profissional, se se encaixa no time, o que fez nas posições anteriores e como poderá ajudar na organização."

Nancy Fox, da Fox de Coaching Associates, observa que muitos candidatos, despreparados para a questão, recapitulam sua história de vida. Ela recomenda começar com o emprego mais recente e explicar por que é qualificado para a posição. De acordo com ela, a chave do sucesso é coincidir as qualificações com o que o entrevistador está procurando. "Em outras palavras, você deve vender o que o comprador está comprando."

A coach Melanie Szlucha diz que os gerentes de contratação não querem entrevistar candidatos despreparados, que acabam tendo que ler o currículo na frente deles. É preciso que sejam dadas informações para que o entrevistador possa fazer mais perguntas e, assim, tornar a entrevista interessante.

Segundo Miller, bem respondida, a questão coloca o candidato no ?assento do motorista?. E dá oportunidade de vender a si mesmo, além de permitir que ele defina o tom e o rumo do restante da entrevista, abrindo caminho para responder às perguntas que ele mais espera.

Destaque as realizações mais importantes

Greg Maka aconselha os candidatos a emprego a contar uma história memorável sobre seus atributos. "Por exemplo, se você disser a um entrevistador que as pessoas descrevem-no como tenaz, uma breve história que mostre como você tem sido tenaz em alcançar seus objetivos é interessante. Histórias são poderosas e são o que as pessoas se lembram mais", diz ele.

Seja breve

Maureen Anderson, apresentador do programa de rádio "A Clínica da Carreira", diz que é importante dar uma resposta curta. "O empregador quer saber um pouco sobre você para começar, não a história da vida inteira. Apenas ofereça até duas ou três coisas interessantes e úteis. Deve-se levar cerca de um minuto para responder a essa pergunta."

Anderson aconselha a escrever a resposta antes da entrevista, praticá-la e ensaiá-la até que soe natural. Então praticá-la um pouco mais. ?O objetivo é dizer ao empregador o suficiente para despertar o seu interesse, não tanto que ele se pergunte se um dia irá querer calar sua boca durante uma pausa para o café no escritório", brinca.

Fonte: G1