Governador suspende itens de edital que exigia atestado de virgindade

Através de seu perfil no Twiiter, o governador anunciou a suspensão


Governador suspende itens de edital que exigia atestado de virgindade
O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), determinou a suspensão imediata dos itens do edital do concurso da Polícia Civil da Bahia que causaram polêmica e críticas por exigirem que candidatas mulheres apresentem avaliação clínica ginecológica contendo colposcopia, citologia e microflora e liberando da apresentação dos testes a mulher que comprovar ter um ?hímen íntegro?.

Através de seu perfil no Twiiter, o governador anunciou a suspensão dos itens um dia depois de a Ordem dos Advogados da Bahia (OAB-BA) divulgar uma nota de repúdio às exigências. ?Sobre o concurso da Polícia Civil, determinei a IMEDIATA SUSPENSÃO dos itens que possam causar constrangimento ou discriminação às mulheres?, afirmou o governador em seu perfil na rede social.

Fonte: Terra, www.terra.com.br