Inscrições para o curso do Inglês sem Fronteiras terminam na quarta no PI

Inscrições podem ser feitas através do endereço eletrônico http://isf.mec.gov.br/

Encerram nesta quarta-feira (26) as inscrições para o curso do Programa Inglês sem Fronteiras (ISF), do Governo Federal e ofertado no Piauí pela Universidade Federal do Piauí (UFPI). São 380 novas vagas para estudantes de graduação e pós de qualquer área do conhecimento e matriculados na UFPI. Inscrições podem ser feitas através do endereço eletrônico http://isf.mec.gov.br/. Outro pré-requisito é estar com o cadastro ativo no curso virtual My English Online (MEO).

O curso tem carga horária semanal de quatro horas e cada módulo leva de um a dois meses para ser concluído, com caráter semi-intensivo. De acordo com a coordenadora geral do Programa Inglês sem Fronteiras na UFPI, a professora Beatriz Gama, os cursos do ISF são ofertados na instituição desde janeiro de 2014 e agora já é a terceira turma. Ao todo, 300 alunos já concluíram ou estão em fase de conclusão de suas aulas.

?O objetivo principal deste curso é preparar alunos para a realização de exames internacionais de proficiência, como TOEFL ITP e IELTS (International English Language Testing System) e para que eles tenham acesso a outras oportunidades que envolvem a língua inglesa. É uma grande oportunidade?.

O curso completo possui quatro módulos, que ensinam a língua inglesa desde o nível básico até o nível preparatório para exames. O curso é gratuito e só é necessário o investimento do material didático, que varia de R$ 100 a R$ 150.

O corpo de instrutores do curso é formado por graduandos ou formados em Licenciatura Plena em Letras Inglês na instituição. ?Embora todos os professores do curso sejam brasileiros, é importante destacar que nós temos uma parceria com a instituição amerina Fulbright, que enviou três bolsistas americanos para auxiliarem os alunos durante as aulas, ajudando-os a melhorar a fluência da língua?, disse Beatriz Gama. As aulas têm início na segunda semana do mês de abril de 2014.

Fonte: Samira Ramalho