INSS: Funrio anula provas de 4 cargos do concurso; prova será em dezembro

A nova prova será realizada no dia 8 de dezembro, no turno da tarde.

A Funrio informou que as provas dos cargos de analista do seguro social nas formações em tecnologia da informação, fisioterapia, engenharia civil e administração, do concurso do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), aplicadas no dia 13 de outubro, serão anuladas. No entanto, a medida vale somente para candidatos que concorrem a determinadas superintendências, onde, segundo a organizadora, foram verificadas inconsistências técnicas na aplicação das provas. A nova prova será realizada no dia 8 de dezembro, no turno da tarde. Serão convocados para realizar o novo exame apenas os candidatos que compareceram à prova do dia 13 de outubro.

As provas foram anuladas para todas as Superintendências Regionais e Administração Central no caso de tecnologia da informação e engenharia civil. No caso da formação em fisioterapia, as provas foram anuladas para os candidatos que concorrem para vagas na Superintendência Regional Nordeste e Superintendência Regional Sul. No caso da formação em administração, a anulação vale para candidatos que concorrem à Superintendência Regional Sudeste II.

A Funrio justifica a reaplicação das provas para garantir o princípio da isonomia entre os candidatos.

A Funrio justifica a anulação porque houve insuficiência de cadernos de provas no Colégio Paulino de Brito, em Belém/PA, para os candidatos que concorrem para a formação em tecnologia da informação; insuficiência de cadernos de provas no Colégio Objetivo, bloco Único, 3º andar, sala 3º A, em Juazeiro do Norte/CE, para os candidatos que concorrem para a formação em fisioterapia; insuficiência de cadernos de provas no Colégio Estadual Polivalente Frei João Batista, bloco B, andar térreo, sala 14, em Anápolis/GO, para os candidatos que concorrem para a formação em engenharia civil; e aplicação de prova de outra formação no Colégio Darcy Ribeiro, bloco A, andar 1, sala 7, em Governador Valadares/MG, para os candidatos que concorrem para a formação em administração.

O novo cronograma será devidamente divulgado no endereço eletrônico www.funrio.org.br, na página do concurso, nas guias Publicações e Cronogramas, a partir do dia 28 de outubro.

O candidato convocado que não desejar realizar a nova prova poderá solicitar a devolução da taxa de inscrição paga até o dia 22 de novembro, encaminhando um e-mail, de acordo com a sua formação, para: [email protected] ou [email protected] ou [email protected] ou [email protected], informando seu nome, nº de inscrição, identidade, CPF e dados bancários para depósito (banco, conta corrente e agência), ressaltando não ser permitida a apresentação de conta poupança.

O concurso

O concurso do INSS oferece 300 vagas, sendo 274 para ampla concorrência e 26 para candidatos com deficiência. O salário é de R$ 7.147,12. São 164.209 candidatos - clique aqui para ver as estatísticas por superintendências e formações.

A prova objetiva foi aplicada em 98 cidades listadas no anexo III do edital. As disciplinas de todos os cargos foram língua portuguesa, ética no serviço público, noções de informática, noções de administração, noções de direito administrativo, noções de direito constitucional e noções de direito previdenciário.

O cargo com o maior número de inscrições efetivadas (11.080) é o que exige formação em direito destinado à Superintendência Sudeste I do INSS, que tem sede em São Paulo. Os mais de 11 mil inscritos vão concorrer a 9 vagas de ampla concorrência, além de uma vaga destinada às pessoas com deficiência. Na sequência estão os que concorrem também às vagas com formação em direito para a Superintendência Nordeste (11.038), com sede em Recife, e Sudeste II, sediada em Belo Horizonte (9.272).

Veja as estatísticas por áreas:

Estatística - 385 inscritos

Ciências contábeis - 13.123 inscritos

Direito - 47.711 inscritos

Administração - 36.265 inscritos

Engenharia civil - 4.148 inscritos

Engenharia mecânica - 1.674 inscritos

Engenharia elétrica - 2.011 inscritos

Engenharia de telecomunicações - 603 inscritos

Engenharia com especialização em segurança do trabalho - 2.009 inscritos

Arquitetura - 2.630 inscritos

Tecnologia da informação - 8.460 inscritos

Terapia ocupacional - 2.269 inscritos

Pedagogia - 12.699 inscritos

Psicologia - 12.517 inscritos

Jornalismo - 1.570 inscritos

Publicidade e propaganda - 911 inscritos

Fisioterapia - 12.613 inscritos

Letras - 2.611 inscritos

As cidades de maior concentração de candidatos são: Brasília (11.830), São Paulo (8.999), Belo Horizonte (6.520) e Recife (6.040). As cidades com a menor concentração de candidatos são: Tefé (51), Diamantina (269), Ouro Preto (328) e Canoas (344).

As atividades do analista são instruir e analisar processos e cálculos previdenciários, de manutenção e de revisão de direitos ao recebimento de benefícios previdenciários; proceder à orientação previdenciária e atendimento aos usuários; realizar estudos técnicos e estatísticos; executar, em caráter geral, as demais atividades inerentes

às competências do INSS.

As vagas são distribuídas nas seguintes áreas de formação: estatística, administração, ciências contábeis, direito, engenharia civil, engenharia mecânica, engenharia elétrica, engenharia de telecomunicações, engenharia com especialização em segurança do trabalho, arquitetura, tecnologia da informação, terapia ocupacional, pedagogia, psicologia, comunicação social (jornalismo e publicidade e propaganda), fisioterapia e letras.

As vagas estão distribuídas nas Superintendências Regionais e Administração Central:

Superintendência Regional Norte Centro-Oeste (circunscrição AC, AM, AP, DF, GO, MS, MT, PA, RO, RR e TO), Superintendência Regional Nordeste (circunscrição PE, AL, BA, CE, PB, RN, SE, MA e PI), Superintendência Regional Sudeste I (circunscrição SP), Superintendência Regional Sudeste II (circunscrição MG, ES e RJ), Superintendência Regional Sul (circunscrição SC, PR e RS) e Administração Central (circunscrição Brasília).

Os candidatos poderão ser lotados em quaisquer unidades subordinadas às

Superintendências Regionais para qual concorre, de acordo com o interesse da administração

O concurso tem a validade de um ano, que pode ser prorrogada por igual período.

Fonte: G1