Quatro ministérios lançam editais de concursos para 741 vagas no Brasil

Salários chegam a R$ 13.402,37 no Ministério do Planejamento

Os Ministérios da Fazenda, da Justiça, do Planejamento, Orçamento e Gestão e das Comunicações lançaram nesta sexta-feira (7) editais de concursos para o total de 741 vagas - todas de nível superior.

Os salários chegam a R$ 13.402,37 no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

A maior parte das vagas é para candidatos com nível superior em qualquer área de formação.

Ministério da Fazenda

O Ministério da Fazenda abriu concurso público para 347 vagas em cargos de nível superior, para analista técnico-administrativo (qualquer área de formação), arquiteto, contador, engenheiro e pedagogo.

Os salários de analista técnico-administrativo (192 vagas), contador (47 vagas) e pedagogo (19 vagas) são de R$ 3.977,42. Já para arquiteto (31 vagas) e engenheiro (58 vagas) são de R$ 5.081,18.

São 15 vagas na Bahia, 14 no Ceará, 129 no Distrito Federal, 1 no Espírito Santo, 2 no Maranhão, 21 em Minas Gerais, 2 em Mato Grosso do Sul, 2 em Mato Grosso, 17 no Pará, 2 na Paraíba, 14 em Pernambuco, 22 no Paraná, 29 no Rio de Janeiro, 2 no Rio Grande do Norte, 24 no Rio Grande do Sul e 51 em São Paulo.

As inscrições devem ser feitas pelo site www.esaf.fazenda.gov.br das 10h do dia 17 de junho até as 23h59 do dia 30 de junho. A taxa é de R$ 90.

O concurso terá prova objetiva de conhecimentos básicos, prova de objetiva de conhecimentos específicos e prova discursiva.

A prova de conhecimentos básicos terá as disciplinas de língua portuguesa, atualidades, raciocínio lógico-quantitativo, direito constitucional, direito administrativo e informática básica.

Serão convocados, por edital, a ser publicado no Diário Oficial da União, para realização da prova discursiva, todos os candidatos aprovados nas provas objetivas.

As provas objetivas, para todos os cargos, serão aplicadas em dois turnos, na data provável de 1º de setembro, em todas as 27 capitais.

Ministério da Justiça

O Ministério da Justiça abriu concurso para 125 vagas de nível superior. As vagas são para Brasília.

Os cargos são de analista técnico-administrativo (100 vagas), administrador (10 vagas), contador (1 vaga), economista (4 vagas) e engenheiros (área civil ? 8 vagas - e elétrica ? 2 vagas). O salário é de R$ 5.081,18 para economista e engenheiros e de R$ 3.980,62 para analista técnico-administrativo, administrador e contador.

As inscrições devem ser feitas de 17 de junho a 8 de julho pelo endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/mj_13. A taxa é de R$ 65.

A seleção terá provas objetivas e prova discursiva, que serão realizadas na cidade de Brasília.

As provas objetivas e a prova discursiva para todos os cargos terão a duração de 4 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 25 de agosto, no turno da manhã. Até a data provável de 15 de agosto, será publicado no Diário Oficial da União edital que informará a disponibilização da consulta aos locais e aos horários de realização das provas.

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão abriu concurso para 150 vagas de especialista em políticas públicas e gestão governamental. As vagas são para Brasília. O salário é de R$ 13.402,37 (acesse o edital).

Os candidatos devem ter nível superior em qualquer área de atuação.

As inscrições devem ser feitas de 10 a 23 de junho pelo site www.esaf.fazenda.gov.br. A taxa é de R$ 130.

O concurso será constituído de duas etapas. A primeira terá provas objetivas de conhecimentos básicos e de conhecimentos específicos, prova discursiva, prova de títulos e experiência profissional. A segunda etapa é constituída de curso de formação, a ser realizado em Brasília.

As provas objetivas serão aplicadas em dois turnos, na data provável de 11 de agosto, nas cidades de Belém, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, em dois turnos, na data provável de 11 de agosto.

Ministério das Comunicações

O Ministério das Comunicações abriu processo seletivo para 119 vagas temporárias para técnicos de nível superior. Os salários vão de R$ 3.800 a R$ 8.300.

O prazo de duração dos contratos será de um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de 5 anos.

As vagas são para os projetos Redução de Estoque de Processos de Radiodifusão, Cidades Digitais, Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações, Sistema de Alerta de Emergência, Regime Especial de Tributação do Programa Nacional de Banda Larga, TV Digital, Lançamento do Satélite Brasileiro e Sistema Unificado de Informações sobre Telecomunicações, além de atividades não vinculadas a projetos.

As oportunidades serão distribuídas entre atividades técnicas de suporte e atividades de complexidade intelectual em vários níveis e especialidades. Todos os candidatos devem ter nível superior. Além de exigir graduações em várias áreas, algumas funções exigem experiência de até 5 anos.

As inscrições devem ser feitas de 17 de junho a 8 de julho pelo site http://www.cespe.unb.br/concursos/MC_13. As taxas vão de R$ 85 a R$ 110.

A seleção será realizada por meio de provas objetivas, em Brasília, na data prevista de 18 de agosto, no turno da tarde, com duração de 3h30.

Fonte: G1