Senado írá decidir sobre permissão de falta ao trabalho para fazer concurso

Para ter direito ao benefício, segundo o projeto, o trabalhador deverá informar a falta ao empregador com antecedência mínima de sete dias.

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) deve analisar este ano projeto já aprovado na Câmara dos Deputados que autoriza a falta ao trabalho, com posterior compensação, para que o empregado possa fazer provas de concursos públicos. O PLC 118/2013 , de autoria do ex-deputado Mauro Nazif (PSB-RO), também prevê a possibilidade de compensação no caso de ausência devido à participação em seleção de emprego na iniciativa privada.

Para ter direito ao benefício, segundo o projeto, o trabalhador deverá informar a falta ao empregador com antecedência mínima de sete dias. Além disso, deverá apresentar um comprovante de inscrição no concurso ou uma declaração do responsável pela seleção. O relator da proposta na Comissão de Educação é o senador Armando Monteiro (PTB-PE).

Fonte: CorreioWeb