SiSU recebeu mais de 2 milhões de inscrições

Estudantes buscam vagas em universidades públicas

O balanço final divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) no fim desta quinta-feira (20) indica que foram feitas pouco mais de 2 milhões de inscrições no Sistema de Seleção Unificada (SiSU). O prazo terminou às 23h59 desta quinta.

Segundo o MEC, 1.080.194 candidatos fizeram as inscrições (um candidato pode optar por até duas opções de cursos e instituições, configurando mais de uma inscrição) para uma das 83.125 vagas oferecidas em instituições públicas de educação superior. O número supera a marca de 793 mil candidatos inscritos em 2009.

De acordo com o MEC, o resultado da primeira chamada estará disponível para consulta dos candidatos no dia 24 de janeiro e os estudantes selecionados poderão efetuar a matrícula na instituição de ensino entre os dias 27 e 31 de janeiro, sempre nos dias úteis. Outras duas chamadas serão realizadas nos dias 4 e 13 de fevereiro.

Justiça prorroga inscrições no RJ

A Justiça Federal do Rio de Janeiro prorrogou as inscrições do Sistema de Seleção Unificada (SISU) que terminaram às 23h59 desta quinta-feira (20) para 26 de janeiro, apenas aos estudantes daquele estado. A decisão é do juiz Alberto Nogueira Júnior, da 10ª Vara Federal do Estado do Rio de Janeiro.

O Ministério da Educação informou que estuda juntamente com a Advocacia Geral da União como cumprir a decisão, já que o sistema não consegue isolar os candidatos. Em nota, o ministério disse, ainda, que ao isolar somente os candidatos do Rio de Janeiro estaria configurando uma quebra da isonomia, uma vez que a disputa por vagas é nacional e envolve estudantes de todos os estados da federação.

Vagas

Pelo sistema, os estudantes concorrem a 83.125 vagas em 83 instituições públicas de ensino superior, sendo 39 universidades federais, cinco universidades estaduais, 38 institutos federais de educação, ciência e tecnologia e uma instituição isolada.

Ao fazer a inscrição, o candidato era obrigado a escolher, por ordem de preferência, até duas opções nas vagas ofertadas pelas instituições participantes do SiSU. O candidato também definia se desejava concorrer às vagas de ampla concorrência ou às vagas destinadas a políticas afirmativas (cotas). Durante o período de inscrição, o candidato podia alterar suas opções. Será considerada válida a última inscrição confirmada.

Ao final da etapa de inscrição, o sistema seleciona automaticamente os candidatos melhor classificados em cada curso, de acordo com suas notas no Enem 2010.

Lista de espera

Os candidatos não aprovados em sua primeira opção, em nenhuma das três chamadas, poderão constar da lista de espera do SiSU, desde que confirmem seu interesse na vaga, durante o período especificado.

Esta lista de espera não irá considerar reservas de vagas para cotas e bônus eventualmente atribuídos pelas instituições à nota do candidato no SiSU. O uso da lista de espera do SiSU para convocação dos candidatos será feito a critério de cada instituição.

No caso de notas iguais, o desempate entre os candidatos será efetuado considerando-se a seguinte ordem de critérios:

1) Maior nota obtida na redação;

2) Maior nota obtida na prova de linguagens, códigos e suas tecnologias;

3) Maior nota obtida na prova de matemática e suas tecnologias;

4) Maior nota obtida na prova de ciências da natureza e suas tecnologias;

5) Maior nota obtida na prova de ciências humanas e suas tecnologias;

O resultado do candidato estará disponível no site SiSU, nas instituições participantes e na Central de Atendimento do MEC, no telefone 0800-616161.

Fonte: g1, www.g1.com.br