Veja dicas para negociar salário inicial antes mesmo de aceitar um emprego

Candidato deve destacar habilidades e explicar por que merece ganhar mais

Você gostaria de receber um aumento antes mesmo de aceitar uma oferta de emprego? É possível, e alguns candidatos já estão fazendo isso.

Segundo o Glassdoor, site de avaliação de empresas norte-americano, os empregadores consideram, sim, elevar o salário inicial para garantir a contratação do candidato certo.

Pode negociar o valor, principalmente, quem tem habilidades especializadas ou experiências únicas. Se você é um desses profissionais, veja abaixo 9 dicas para conquistar uma remuneração melhor.

1) Valores de referência do mercado

Confira as vagas que exigem as suas habilidades e sua experiência ? os salários servem como parâmetro. Também leia artigos relevantes e declarações de recrutadores sobre o valor dos trabalhadores no setor em que você atua.

Se as empresas contratantes descobrirem que profissionais com o seu perfil são muito buscados no mercado de trabalho, você terá boa chance de conseguir negociar o salário citado nas vagas abertas.

2) Não discuta o salário nas entrevistas iniciais

Perguntar sobre o salário antes de ter recebido a oferta oficial de emprego, durante as entrevistas iniciais, passa a impressão de que candidato está interessado apenas no dinheiro. Para quem pretende negociar aumento, o erro é ainda maior. Falar sobre valores antes de mostrar seu potencial pode fazer com que o recrutador pense apenas que você sairia "muito caro". Não corra o risco de sair da seleção logo no início.

3) Espere até que eles ofereçam o trabalho

O candidato é o elo mais forte da negociação quando a empresa oferece o trabalho. Quando isso acontecer, você pode informar o quanto gostaria de ganhar e a partir daí iniciar uma negociação. Não é indicado começar com um valor muito baixo, já que depois é difícil conseguir negociar o salário para cima.

4) Apresente os diferenciais

Você pode começar a negociação apresentando a taxa de remuneração de pessoas com o seu perfil e acrescentar que o valor extra é baseado nas habilidades especiais, experiência, rede de contatos, visibilidade dentro do setor e sucessos já obtidos. É importante trabalhar com a quantia que você realmente quer e usar evidências sólidas, que mostrem que o investimento vale a pena. A conversa deve citar os benefícios que a contratação traria para o novo empregador, e não apenas benefícios pessoais.

5) Trabalhe com a remuneração que realmente vai satisfazê-lo

É importante analisar todo o pacote de remuneração, inclusive com os benefícios. Se o montante não for o desejado, você pode tentar persuadir o recrutador a aumentar os benefícios.

6) Os dois lados podem ganhar

Você deve estar preparado para explicar por que está pedindo mais dinheiro. Se a sua abordagem for de que um dos lados vai ganhar e o outro vai perder, o recrutador não se sentirá confortável e também vai "jogar" esse jogo. É importante perceber que todos estão do mesmo lado e que a conversa é somente um processo de contratação.

7) Tenha um plano B

Procurar outro emprego ou ficar no atual trabalho podem ser boas opções caso a negociação não apresente os resultados esperados. Saber que existem alternativas o torna um negociador mais confiante.

8) Saiba esperar

Você não deve se comprometer logo de cara e precisa estar preparado para esperar que a empresa tome uma decisão. Assim como você, o empregador também poderá pedir um tempo para pensar.

9) Esteja preparado para tudo

Caso a negociação não funcione e a empresa não aceite o valor proposto, esteja pronto para declinar a oferta e seguir em frente, em busca de um salário de acordo com seu perfil profissional.

Fonte: G1