Empresários europeus querem investir no Piauí

Empresários europeus querem investir no Piauí

Consórcio Tecnológico Espanhol demonstrou interesse em assinar o termo de cooperação com o Governo do Estado

Aconteceu no último sábado, 26, uma audiência entre o vice-governador do Piauí, Moraes Souza Filho, com uma empresa espanhola que atua no ramo de infraestrutura de transportes.

O objetivo da reunião foi instituir uma parceria para a elaboração de projetos e captação de recursos para investimentos no Estado.

Durante o encontro, o Consórcio Tecnológico Espanhol demonstrou interesse em assinar o termo de cooperação com o Governo do Estado e, na oportunidade, o coordenador do consórcio, Julian Garcia Valverde, informou que o grupo já buscou informações sobre a hidrovia do Parnaíba, a infraestrutura aeroportuária, o Porto de Luís Correia, a ferrovia Transnordestina e a ferrovia que ligará a capital ao litoral do Estado, com a intenção de analisar os possíveis resultados da parceria.

Ainda de acordo com Julian Garcia, o Piauí tem um grande potencial tanto para instalação de conjuntos geradores de energia eólica quanto para implantação de uma indústria para fabricação dos equipamentos necessários para a exploração desse tipo de energia.

Ele informou que trabalha com investidores de turbinas e torres para parques eólicos, e que pode ajudar nesse sentido.O vice-governador enfatizou a importância dessa parceria.

“Vamos apresentar a esse consórcio espanhol um pré-projeto dentro das prioridades que o governador Wilson Martins elegeu para o setor de transportes. Tão logo tenhamos assinado esse termo de cooperação iremos levar essa demanda os investidores. Será a primeira parceria nessa modalidade”, explicou.

Após a reunião, ficou acertada a assinatura de um Termo de Cooperação de Assistência Técnica com Transferência de tecnologia para colaboração na construção, operação, concessão e projeto de mobilidade para sistemas de transportes urbanos.

Fonte: Raphael Reis