Corpo de brasileira morta na Itália chega ao Brasil em uma semana

Informação foi repassada por amiga da família que acompanha o caso.

A mãe da brasileira assassinada em Bréscia, na Itália, retorna ao Brasil na próxima quarta-feira (11) para providenciar o velório e enterro da filha Marilia Rodrigues Silva Martins, de 29 anos, suspeita por ter sido morta pelo chefe e pai da criança que ela esperava.


Corpo de brasileira morta na Itália chega ao Brasil em uma semana

A informação foi repassada, na manhã deste sábado (7), pela amiga da família que mora na Itália e acompanha o caso desde o início. Ainda segundo ela, o corpo de Marília deve chegar a Uberlândia no dia 13 de setembro.

O pai, a mãe e o tio de Marília estão na província italiana para acompanhar as investigações da polícia italiana. Em entrevista à agência de notícias Ansa, a mãe Natália Maria Silva, de 52 anos, contou que está completamente triste pela tragédia, mas que seu coração não buscava vingança pela morte da filha.

A Ansa também noticiou que, nesta sexta-feira (6), a mãe da vítima se reuniu com os investigadores do caso e chegou à delegacia local acompanhada por uma delegação da embaixada brasileira.

O crime

Marilia foi encontrada morta no último dia 30 de agosto dentro de um escritório da Alpi Aviation do Brasil, empresa onde trabalhava. A jovem estava grávida do proprietário da empresa, que é apontado como o autor do crime e está preso.

Fonte: G1