Corpo encontrado em praia do RN pode ser de argentino desaparecido

Equipes se deslocam ao local para retirar o corpo da água.

Um corpo encontrado boiando, na manhã desta terça-feira (18), na praia de Barreta, no município de Nísia Floresta, distante 40 quilômetros de Natal, pode ser do turista argentino Pablo Leonardo Simon, de 40 anos, que está desaparecido. Ele foi arrastado por correntezas no litoral Sul potiguar na tarde do sábado (15). O estrangeiro tomava banho na praia das Minas, em Tibau do Sul, quando desapareceu.

O Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte recebeu um chamado às 6h15 desta terça e esquipes de resgate se deslocaram para o local. "O corpo foi visto por populares que observavam o mar. A suspeita é de que ele seja do argentino", afirmou o tenente Christiano Couceiro.

Segundo o tenente, "ainda não é possível afirmar se o corpo é mesmo do argentino, mas as características indicam que é ele", pontuou Couceiro.

De acordo com o soldado Francisco Canindé Nascimento, da Polícia Militar de Pipa, Pablo Simon é natural da cidade de Mendoza, capital da província de mesmo nome, que fica próximo a Cordilheira dos Andes, no Oeste da Argentina. A PM informa que o turista trabalha como psicólogo.

A também argentina Ambar Benegas, de 18 anos, que é amiga de Pablo, disse que estava com ele no momento em que uma onda os atingiu e puxou o turista para o fundo do mar. "Estávamos na praia e decidimos tomar um banho. Fomos atingidos por uma onda e ele começou a ser puxado para dentro do mar. Consegui nadar contra a correnteza e sair do mar, mas o Pablo ficou", disse ela.


Corpo encontrado em praia do RN pode ser de argentino desaparecido

Corpo encontrado em praia do RN pode ser de argentino desaparecido

Corpo encontrado em praia do RN pode ser de argentino desaparecido

Fonte: G1