Criação da ZPE de Parnaíba é aprovada na Assembléia

O próximo passo será o planejamento de estratégias de atração de empresas e indústrias para a região.

Os parlamentares da Assembléia Legislativa do Piauí (Alepi) aprovaram, em primeira e segunda instância, durante sessão na tarde desta última terça-feira (21), a criação da empresa gestora da Zona de Processamento de Exportação de Parnaíba (ZPE).

?Como foi liberada a criação da pessoa jurídica para a gestão do projeto, daremos início a execução dos trabalhos em 90 dias e, no prazo de 12 meses, queremos estar com as obras de infraestrutura prontas e a ZPE atuando?, diz o coordenador do PAC no Piauí, Mirócles Veras.

A empresa será de economia mista, sendo o Estado do Piauí o maior acionista, e terá o nome de Companhia Administrativa da Zona de Processamento de Exportação de Parnaíba. Para tal, foi destinado um terreno de 313 hectares para implantação do projeto.

?A ZPE é de fundamental importância para o Estado. Através dela serão gerados empregos e renda na região norte do Piauí, fazendo com que Parnaíba volte a ser um grande centro industrial?, explica Mirócles Veras.

O próximo passo será o planejamento de estratégias de atração de empresas e indústrias para a região. Visando alcançar essa meta, o Governo do Estado já firmou parceria com o Banco do Nordeste.

?Indústria atrai indústria. Isto é um fato. Iremos promover políticas de incentivos fiscais e administrativos com validade de 20 anos, prorrogável por igual período, para que isso aconteça o quanto antes?, garante o coordenador do PAC no Piauí.

Outros projetos que integram a infraestrutura da ZPE são o Porto de Luís Correia, a ser concluído em 2012, e a revitalização da linha férrea ligando os municípios de Altos e Parnaíba, incluído na segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento.

Fonte: Assessoria