Criado no Piauí, Canal Educação se torna modelo para outros países

Programa promove aula para 170 municípios do estado do Piauí.

O programa Canal Educação, que promove aulas em tempo real e simultâneas para 170 municípios do estado do Piauí, pode ser exportado para outros países. O Peru, país da América do Sul, já contatou a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), mostrando interesse no programa e, em junho, a secretária da Educação, Rejane Dias, deve ir a Porto Rico apresentar a ação em congresso internacional promovido pela Organização dos Estados Americanos (OEA).

“A vice-presidência do Peru entrou em contato conosco mostrando interesse em conhecer e levar nossa experiência para o país deles. Devemos nos encontrar em Porto Rico para o Congresso Internacional de Educação Virtual, promovido pela OEA”, comentou o coordenador do Canal Educação, Ellen Gera.

O programa leva ensino presencial por mediação tecnológica ao máximo de municípios do estado
O programa leva ensino presencial por mediação tecnológica ao máximo de municípios do estado

A secretária Rejane Dias foi convidada para o evento, que será de 20 a 24 de junho, na capital do país, San Juan, para fazer uma apresentação sobre o Canal Educação em data ainda não definida. “É uma honra saber que esse trabalho já é reconhecido no Brasil e, agora, em outros países. Mostra que o Piauí tem potencial para inovar e ganhar destaque pelo seu trabalho em qualquer área e não apenas pela Educação”, comentou Rejane.

Ela acrescenta que o Canal Educação é uma das diversas ações que a Secretaria da Educação vem desenvolvendo com o uso da tecnologia. A Seduc também criou o aplicativo para telefone celular para auxiliar estudantes que irão fazer o Enem, o Mobieduca.Me (que controla a frequência dos alunos); o sistema informatizado de lotação dos professores, entre outras soluções.

Ellen Gera declara que o governo do Peru solicitou um momento em particular para a apresentação do programa. “É possível que eles visitem nosso estado para conhecer de perto o Canal Educação. Vamos definir essa agenda durante nosso encontro”, comentou o coordenador.

Canal Educação

O programa tem o objetivo de levar ensino presencial por mediação tecnológica ao máximo de municípios do estado e promover uma série de serviços para a rede estadual de educação. As aulas são ministradas a partir de dois estúdios localizados em prédio anexo à TV Antares.

Recentemente, teve concluída a modernização do Estúdio 1, que agora conta com o auxílio de exibição de imagens em 3D e outros efeitos para apresentação das aulas. O Canal Educação promove aulas para todas as séries do Ensino Médio, Ensino de Jovens e Adultos (EJA Administração), do preparatório do Enem e transmite as revisões do Enem Seduc.

Atualmente, as aulas são transmitidas para 170 municípios em 300 pontos de recepção. A proposta é, até o final de 2016, ampliar para 400 o número de salas com os equipamentos para recepção.

Fonte: Assessoria