Criança atacada por pit bulls está na UTI em estado de saúde grave

Criança atacada por pit bulls está na UTI em estado de saúde grave

Os pais da menina ainda estão abalados com toda a situação e se recusam a fornecer informações sobre o estado de saúde da filha.

A criança de dois anos de idade atacada por quatro pit bulls dentro da própria residência, em Cuiabá, está internada em estado gravíssimo na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do setor pediátrico de um hospital particular da capital. A menina ficou ferida na cabeça e nos braços, na segunda-feira (9), e foi transferida do Pronto-Socorro municipal para a unidade privada nesta terça-feira (10).

Os pais da menina ainda estão abalados com toda a situação e se recusam a fornecer informações sobre o estado de saúde da filha. A unidade hospitalar também foi impedida pela família de dar detalhes sobre a situação clínica da menina.

Porém, as únicas informações concedidas pela diretoria da unidade são de que a criança está entubada e sem previsão de alta. A menina estava apenas com a babá quando foi atacada pelos cães, por volta das 14h, desta segunda.

A garota estava brincando na área da frente da casa e os cachorros escaparam do quintal, abriram o portão que dividia os fundos da residência e arrastaram a vítima. Ela só foi resgatada minutos depois por um policial à paisana que passava pela rua.

O policial militar estava armado com uma pistola ponto 40 e atirou contra os cachorros. Dois cães morreram na hora e outro tentou escapar, mas foi morto a alguns metros da residência, em um córrego. Já o quarto cachorro foi encontrado ainda no bairro, embaixo de um veículo. Uma equipe do Centro de Controle Zoonoses da capital foi acionada e resgatou a cadela do local.

Fonte: G1