Após explosão de TV, criança de dois anos morre carbonizada

Após explosão de TV, criança de dois anos morre carbonizada

De acordo com a Polícia Militar, um curto-circuito causou a explosão.

Uma criança de dois anos morreu vítima de queimaduras graves dentro de casa, na noite desta quarta-feira (26), em Itambaracá (438 km de Curitiba), após o aparelho de televisão da casa onde estava explodir.

De acordo com a Polícia Militar, um curto-circuito causou a explosão, e rapidamente o fogo se alastrou pelo ambiente fechado.

A residência tinha apenas um cômodo, e, segundo a PM, a criança estava sozinha porque a mãe havia saído para ir à casa de uma vizinha e quando voltou o fogo já tinha tomado conta do local.

A criança chegou a ser socorrida pela mãe e por vizinhos, que tentaram controlar as chamas com baldes de água, mas não resistiu à gravidade das queimaduras e morreu após ser atendida no Hospital Municipal da cidade.

Segundo a PM, a Polícia Civil abriu inquérito para investigar o caso.

Fonte: UOL