Debate: deputados federais defendem políticas públicas no combate à violência

Debate: deputados federais defendem políticas públicas no combate à violência

Tem que haver a participação da OAB e outras autoridades competentes no assunto, diz Assis Carvalho

A violência que provocou as mais de 40 mortes em Teresina durante o mês de janeiro foi discutida pelo deputado federal Júlio César (PSD) e pelo deputado federal Assis Carvalho (PT) durante o programa Agora, da Rede Meio Norte, nesta terça-feira, 28.

Júlio César considera que se trata de um problema estrutural, de Educação, de Políticas Públicas e de distribuição de renda. ?A pessoa às vezes fica desempregada e vai para o crime, enfim, é um problema muito delicado.?

Quanto à redução da maioridade penal de 18 para 16 anos ele afirma que se trata de um anseio da maioria da população brasileira. ?O menor se esconde dentro desta cobertura que é a Constituição. Ele sabe que não vai ser punido?. Outra situação colocada por ele é a do criminoso maior de idade que atribui o crime a um menor. ?Nós nos preocupamos muito todos os dias! Nós temos que ver qual é a posição da OAB, que defende políticas públicas que envolvam o menor.?

Na visão do deputado Assis Carvalho, por mais investimentos que se faça, o modelo estrutural que se tem dificulta a solução do problema. ?O modelo penitenciário existente na situação em que se encontra, lamentavelmente não está resolvendo. Às vezes, de dentro da penitenciária o preso comanda o crime e, muitas vezes, sai mais violento do que entrou.?

Assis Carvalho conclui afirmando que o debate tem que ser amplo e que, por mais que se discuta não há respostas imediatas. Segundo ele o debate tem que envolver a OAB e demais autoridades competentes no assunto.

Fonte: Denison Duarte