Defensoria Itinerante promove inclusão social em todo o Piauí

Celeridade do trabalho tem sido um dos motivos que mais faz crescer

“Toda vez que tem uma Itinerante a população comparece e fica satisfeita, porque, no mais tardar, em uma semana ela tem sua demanda atendida ”, é assim que o diretor da Defensoria Itinerante, defensor público Afonso Lima da Cruz Júnior, comemora a atuação da Defensoria Pública por meio do programa que tem realizado um abrangente trabalho não apenas em Teresina, mas em todo o estado do Piauí.

São inúmeras ações promovidas no ano, cada uma com cerca de 300 atendimentos, sejam na sede da própria Defensoria ou integrando as ações do Programa Justiça Itinerante, desenvolvido pelo Tribunal de Justiça do Estado do Piauí. A celeridade do trabalho tem sido um dos motivos que faz crescer mais a procura. “O atendimento na Itinerante é sempre além da nossa expectativa. O trabalho tem sido um sucesso na resolução de conflitos de natureza consensual. Isso faz com que aumente a credibilidade e, consequentemente, a procura pelo programa, pois embora a gente esteja sempre atuando tanto nos bairros da capital como em todo o Piauí, a demanda não diminui, o que é uma prova dessa credibilidade que temos, especialmente junto a população carente", destaca  Afonso Júnior.

Colocando em números, só no ano de 2014, a Defensoria Itinerante realizou 15.488 atendimentos de janeiro a dezembro, abrangendo tanto a capital como o interior do Piauí. Foram realizados 14.577 atendimentos na área cível e 911 na área criminal.

"A Constituição Federal garante o acesso à Justiça e nós temos que dar instrumentos e viabilidade para que a população carente tenha esse acesso. Com a crise que nosso país enfrenta, a Defensoria Pública funciona como uma válvula de escape, então, ela vai instrumentalizar, em tese, todos os direitos que são violados, que a população carente nem tem conhecimento e a efetivação desses direitos vai ser satisfeita por meio de um defensor público, nesse caso, um defensor da Defensoria Itinerante", desta o diretor do programa.

A Defensoria Itinerante conta ainda com a coordenação da defensora pública Paula Batista da Silva e, atualmente, com a atuação da defensora pública Sheila de Andrade, atuando em regime de substituição na 2ª Defensoria Itinerante.

Fonte: Com informações do Portal do Governo