Defensoria Pública do Piauí adere à Campanha do Laço Branco

Termo de Cooperação será assinado na próxima sexta-feira (25)

A Defensoria Pública do Estado do Piauí assina na próxima sexta-feira (25), Dia Internacional da Não Violência Contra a Mulher, um Termo de Cooperação com a Prefeitura  Municipal de Teresina, através da Coordenadoria Municipal de Políticas para Mulheres (CMPM), visando parceria na execução e elaboração de ações voltadas para o enfrentamento da violência de gênero. A assinatura acontecerá às 12h, na Sala do Conselho Superior da Defensoria Pública, localizado na Casa de Núcleos da DPE-PI, na Avenida Nossa Senhora de Fátima, 1342, Bairro de Fátima.

A assinatura do Termo representa uma adesão formal à Campanha Laço Branco 2016, que tem por objetivo sensibilizar, envolver e mobilizar os homens em ações pelo fim de todas as formas de violência contra a mulher, atuando em consonância com as ações dos movimentos de mulheres, feministas e de outros movimentos organizados em prol da equidade de gênero e justiça social. O Termo de Cooperação assinado entre a Defensoria e CMPM garante o desenvolvimento de ações voltadas para funcionários e funcionárias, assistidos e assistidas pela DPE-PI, tendo o intuito de sensibilizar, envolver e mobilizar essas pessoas, buscando o  fim de todas as formas de violência contra a mulher e sobretudo a igualdade de gênero.

A assinatura do Termo de Cooperação faz parte dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, uma mobilização anual, praticada simultaneamente por diversos atores da sociedade civil e poder público engajados nesse enfrentamento que desde a sua primeira edição, em 1991, já conquistou a adesão de cerca de 160 países. Mundialmente, a Campanha se inicia em 25 de novembro e vai até 10 de dezembro, o Dia Internacional dos Direitos Humanos, passando pelo 6 de dezembro, que é o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres, data em que acontecerá manhã de conscientização com distribuição do Laço Branco no Núcleo Central e na Unidade João XXIII da Defensoria Pública.

Também, dentro dos 16 Dias de Ativismo a Defensoria estará engajada nas ações da Semana da Justiça pela Paz em Casa, que acontecerá de 28 de novembro a 02 de dezembro com a realização de audiências. A Instituição participará ainda de ação social  realizada na CEAPI no dia 29, a partir das 8h, oportunidade em que acontecerá atendimento à população e distribuição de material informativo sobre o combate à violência contra a mulher.

A defensora pública geral, Francisca Hildeth Leal Evangelista Nunes, diz que o combate à violência contra as mulheres é fundamental para garantia de uma sociedade mais justa e igualitária. “Precisamos enfrentar seriamente esse tipo de violência e a adesão à Campanha do Laço Branco se configura como um importante passo, já que busca a conscientização do universo masculino sobre o respeito à mulher e a igualdade de gênero. Ao aderir a ações como essa e às demais dos 16 Dias de Ativismo a Defensoria Pública cumpre o seu papel de educadora em direitos e de Instituição que valoriza a pessoa humana, buscando sempre proporcionar o acesso à Justiça de forma séria e eficaz”, afirma  Hildeth Evangelista.   

Fonte: Com informações do Portal do Governo