Defensoria Pública do Piauí ganha mais seis defensores

A solenidade de nomeação foi realizada no Palácio de Karnak

Antônio Caetano de Oliveira Filho, Alexandre Christian de Jesus Nollêto, Maria Teresa de Albuquerque Soares, Karla Araújo de Andrade, Roosevelt Furtado de Vasconcelos Filho e Christiana Gomes Martins de Sousa são os mais novos defensores públicos do Piauí, aprovados em concurso da Defensoria. A solenidade de nomeação foi realizada no Palácio de Karnak.

O secretário de Estado do Governo, Merlong Solano, representou o governador Wellington Dias na ocasião. “O Brasil se acostumou com grandes indicadores econômicos. Estamos sempre entre as dez maiores economias do mundo, mas nos deparamos ainda com o nosso maior problema: a desigualdade social. Nós todos, enquanto servidores, temos a missão de sermos instrumentos de redução das desigualdades”, frisou Merlong.

“Agradecemos à vontade política decisiva do governador Wellington Dias que nos permitiu nomear seis novos defensores públicos e mais doze até o final de 2016, o que fará enorme diferença na qualidade dos serviços prestados pela Defensoria. Somos imensamente gratos por toda parceria e espírito defensorial do nosso governador, que não tem medido esforços para proporcionar adequada estruturação da nossa instituição”, enalteceu a defensora pública geral, Hildethe Evangelista.

A nomeação atende à decisão proferida pelo plenário do Tribunal de Justiça do Estado do Piauí no mandado de segurança nº 2008.0001.000683-9 e confirmado pelo Supremo Tribunal Federal no recurso extraordinário nº 837.311, conforme o edital nº 15/2004 do Concurso Público para Defensor Público do Estado do Piauí. “Foram 12 anos de espera. Estamos preparados e ansiosos para o trabalho. Sabemos que dentre as funções que assumimos cabe a de zelar por direitos daqueles que muitas vezes nem sabem que os tem”, afirmou um dos nomeados, Alexandre Christian Nollêto.

Fonte: Com informações do Portal do Governo