PRF: Deficiente embriagado provoca colisão na BR-316

PRF: Deficiente embriagado provoca colisão na BR-316

O condutor seria um homem chamado de Alberto Magno Ferreira de Abreu, que foi levado em seguida ao acidente para a Central de Flagrantes

O acidente aconteceu por voltadas 6h30 da tarde desta segunda feira, dia 25, no quilômetro 36, entre os municípios de Demerval Lobão e Lagoa do Piauí. Dois veículos chocaram-se frontalmente, uma Saveiro de placa LVV-2005 de Picos, com um Gol HOZ-1870 de Timon no Maranhão. Segundo depoimentos colhidos com a Polícia Rodoviária Federal, que esteve no local, o motorista do Gol estava completamente embriagado, sem habilitação e o motorista também seria deficiente. O carro estava adaptado irregularmente já que para se adaptar um carro é preciso ter uma licença dos orgão reguladores do trânsito.



O condutor seria um homem chamado de Alberto Magno Ferreira de Abreu, que foi levado em seguida ao acidente para a Central de Flagrantes, após ser preso no local. Depois da colisão frontal entre os dois carros, a Saveiro perdeu o controle e acabou atingindo uma árvore. O patrulheiro da Polícia Rodoviária Federal, Francisco Pereira, explica a ocorrência.



?Após a verificação feita no local, comprovou-se que o motorista do Gol estava dirigindo sob efeito de conteúdo alcoólico e numa verificação mais minuciosa observamos que o veículo era adaptado ilegalmente porque o condutor é deficiente físico e não possuía a carteira de habilitação. Suspeitando que ele teria tentado realizar uma ultrapassagem perigosa em local proibido e por estar sob efeito do álcool não teve controle do veículo, mas felizmente não houve nenhuma vítima fatal?, destaca o agente da PRF.

Quatro pessoas foram levadas gravemente feridas para o HUT em Teresina devido às consequências do acidente.

Fonte: Marcilany Rodrigues